Menu
SADER_FULL
sábado, 8 de maio de 2021
Busca
Brasil

Estado ganha sistema de dados civil e criminal digitalizado

6 Jul 2010 - 18h03

Um banco de dados datiloscópico totalmente digitalizado será implantado em Mato Grosso do Sul. O contrato de prestação de serviços, no valor de R$ 13.389.300,00 foi firmado com a empresa American Banknote e publicado no Diário Oficial desta terça-feira.

A companhia vencedora da licitação será responsável pela total digitalização do acervo datiloscópico do Instituto de Identificação do Estado que, de acordo com o coordenador, perito papiloscopista Celso José de Souza, tem quase dois milhões de dados.

Agora o Estado passa a ter um dos mais modernos sistemas de coleta e armazenamento de informações datiloscópicas do País. “É um sistema que nós trouxemos do Rio Grande do Sul e vamos aplicar aqui no Estado”, explica o perito papiloscopista Celso José.

Além de ter todo o banco de informações digitalizado, o Instituto de Identificação passa a contar com a coleta de dados biométrica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'
PANDEMIA CORONAVIRUS
Triste número: Brasil ultrapassa 400 mil mortes por Covid-19
REVOLTA
Pastor zomba da fé dos indígenas Trukás que revoltados quebram templo em construção; veja o vídeo