Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 19 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Estado deve ter estrutura própria para organizar concursos

14 Out 2009 - 15h51Por Mídia Max
O ministro da Educação, Fernando Haddad, participa de audiência, na Comissão de Educação da Câmara, sobre a fraude no Enem, ao lado da deputada Maria do Rosário Brasília - O ministro da Educação, Fernando Haddad, defendeu hoje (14) em audiência pública na Câmara dos Deputados que o Estado deve ter uma estrutura para atuar na organização de concursos.

Na avaliação de Haddad, as instituições estatais como o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe) e a Escola de Administração Fazendária (Esaf) já têm inteligência acumulada para garantir maior segurança dos processos seletivos.

“O que eu tenho ouvido é que há uma preocupação muito grande em relação ao sistema de provas de concurso e suas vulnerabilidades. Uma solução seria uma instância estatal de inteligência que possa atuar em parceria com ministérios e governos para garantir a segurança dos processos seletivos”, disse. O ministro sugeriu que essa instância seja uma empresa pública ou uma autarquia.

Alguns parlamentes propuseram que o MEC tenha uma gráfica própria que pudesse imprimir provas como a do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que foi adiado após o vazamento da prova, e outras avaliações. O ministro disse acreditar que a Casa da Moeda tenha capacidade instalada para imprimir provas. “Quando você começa a imprimir uma prova de concurso, há uma semelhança muito grande com imprimir dinheiro, porque aquele material vale muito”, comparou.

Haddad defendeu que o Congresso Nacional aprofunde o debate sobre a legislação dos concursos, inclusive sobre as punições previstas em lei para o caso de fraudes. “ Será que o tratamento penal está adequado para crimes que causam transtornos a milhões de pessoas? Porque existem quebras de sigilo e quebras de sigilo. Nesse caso é um assunto de segurança do Estado”, afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TSUNAMI NO BRASIL?
Brasil pode ser atingido por tsunami; entenda
SERPENTE
Rapaz de 18 anos é atacado por jararaca durante pescaria
TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões
LIÇÕES DA BÍBLIA
Uma rua de mão dupla
LATROCINIO
Dupla invade casa, tranca mulher e crianças em quarto e mata homem degolado