Menu
SADER_FULL
quinta, 13 de maio de 2021
Busca
Brasil

Entreposto de calcário em Nioaque será entregue nesta sexta

10 Set 2004 - 13h00
O governo do Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Agrário, entrega hoje em Nioaque mais um entreposto de calcário para a agricultura familiar, que além de Nioaque, vai atender também os municípios de Guia Lopes da Laguna, Anastácio e Aquidauana.

O secretário de Desenvolvimento Agrário, Valteci Ribeiro de Castro Júnior (Mineiro), já inaugurou os entrepostos de Itaquiraí e Ponta Porã e até o final da primeira quinzena de setembro entrega os outros dois: Sidrolândia e Nova Andradina.

Em Nioaque, o terminal vai atender 833 agricultores familiares, com cinco mil toneladas. A implantação dos terminais faz parte do programa Terra Nova, da Secretaria de Desenvolvimento Agrário, que pretende atender a alta demanda de recuperação dos solos das áreas de agricultura, principalmente nos assentamentos, incluindo também as áreas indígenas e as comunidades negras rurais.

A perspectiva é atender cerca de cinco mil famílias, com mais de seis mil toneladas de calcário. Para a execução deste projeto serão destinados recursos na ordem de R$ 2,7 milhões, do Fundo de Investimento Social (FIS).

Cada entreposto terá um estoque variando de acordo com a demanda local, sempre atendendo um teto de seis toneladas por família, observando os critérios agronômicos para se definir a área a ser corrigida com a aplicação desta quantidade de insumo.

A aquisição E transporte para os entrepostos, manutenção, guarda e operacionalização dos cinco entrepostos será terceirizada através de licitação, observadas as particularidades de cada região. Ficando a cargo do Idaterra (Instituto do Desenvolvimento Agrário, Assistência Técnica e Extensão Rural) apenas o gerenciamento dos mesmos.

Estima-se incremento de pelo menos 20% na produtividade das áreas beneficiadas pelo projeto. Se considerarmos que nesta primeira fase o projeto poderá atingir 15 mil hectares e que o efeito do calcário no solo pode se prolongar por até quatro anos e ainda a possibilidade de duas culturas anuais, no caso do milho por exemplo isto significaria nove mil toneladas a mais por ano, podendo atingir ao final dos quatro anos uma renda extra de aproximadamente R$ 8.040.000,00.

O benefício será concedido aos agricultores que se enquadrarem nas recomendações técnicas, fincando a cargo do produtor o transporte a partir do entreposto até a área onde o calcário será aplicado. Para ser beneficiado serão necessários cinco critérios: atender prioritariamente a produção de subsistência; atender as famílias com menor renda; priorizar os projetos agroecológicos; priorizar as culturas indicadas para a região; priorizar agricultores beneficiados com outros projetos da SDA/Idaterra.

Os técnicos das regiões onde estarão localizados os entrepostos farão o cadastro dos interessados. Após a seleção os técnicos locais farão a elaboração de um pequeno projeto para cada beneficiário. O projeto deverá explicitar detalhadamente a aplicação do insumo, bem como constar qual será a contrapartida da família beneficiária, inclusive com termo de responsabilidade assinado pelo beneficiário. Com base no projeto técnico o responsável aplicação e dos resultados obtidos, devendo emitir relatórios periódicos avaliando o projeto.
 
Agência Popular

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul