Menu
SADER_FULL
quarta, 27 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Empresas devem R$ 880 bi à Receita, INSS e Procuradoria

26 Jul 2006 - 10h54
As dívidas de empresas com a Receita Federal, Previdência Social e Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) somam R$ 880 bilhões, quase a totalidade da dívida pública interna, que está em R$ 1,016 trilhão. Na tentativa de recuperar ao menos parte deste valor, o governo federal ofereceu mais uma oportunidade de parcelamento dos débitos.

“Esperamos que a totalidade desses devedores possa aderir ao parcelamento”, disse o secretário-adjunto da Receita Federal, Paulo Renato de Sousa Cardoso. Ele lembrou que das 129 mil empresas que aderiram ao Refis em 2000, apenas 24 mil permaneceram no programa, enquanto o restante foi excluído por deixar de cumprir as regras.

Segundo o secretário, as regras do novo programa de parcelamento, divulgadas hoje (25) no Diário Oficial da União, são mais duras que as do Refis criado em 2000 e do Paes (Parcelamento Especial), lançado em 2003. Dessa forma, segundo disse, a Receita impede a difusão de uma “cultura da sonegação”.

“Sempre defendemos a tese de que cada parcelamento que venha a ocorrer seja menos benéfico que o anterior para evitar essa cultura de que lá na frente eu terei um benefício ainda maior”, disse.

 

 

Agência Brasil

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Julgue com justiça
LIÇÕES DA BÍBLIA
Amem o estrangeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos