Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 21 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Empresas brasileiras são acusadas de desmatamento no Paraguai

12 Abr 2011 - 11h01Por
O Grupo de Apoio aos Totobiegosode (GAT) denunciou à Procuradoria do Ambiente do Paraguai a destruição de 3.600 hectares de mata virgem que fazem parte do território desses indígenas silvícolas do Chaco paraguayo (noroeste), atribuindo parte da responsabilidade às empresas de origem brasileira River Plate S.A. e BBC S.A.

O chefe do GAT, Jorge Vera, disse que, em sua denúncia, atribui a responsabilidade às empresas River Plate e BBC S.A., cuja suposta atividade depredatória foi detectada pelas autoridades do setor com apoio de indigenistas locais e internacionais através de imagens de satélite.

 

As duas companhias, em seu afã de estender as terras aptas para o gado, supostamente violaram o território indígena, no Departamento do Alto Paraguai, fronteira com o Mato Grosso do Sul.

"Estas firmas não tinham licença da Secretaria do Ambiente. Constatamos a destruição das florestas em um setor de 2.300 hectares e outro de 1.300 hectares", explicou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro