Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 18 de abril de 2021
BANNER EMAGRECEDOR VICENTINA
Busca
Brasil

Empresário é morto com 2 tiros na cabeça

19 Ago 2004 - 08h20
O empresário de Ponta Porã, Ricardo Coronel Dornelles, de 40 anos, foi morto ontem com dois tiros, quando chegava a um casa em Dourados, acompanhado da esposa por Eliane Ledesma Barbosa, 32 anos, e um filho de 7 anos. O homicídio ocorreu por volta das 20h30, na rua Manoel Rasslem.
De acordo com informações divulgadas no site Dourados Agora, o pecuarista teria sido abordado no portão da casa, quando ainda estava no interior de seu carro. Segundo depoimento da esposa, os dois homens que cometeram o homicídio estavam em uma caminhonete estacionada próximo à residência. Um dos homens foi até Dornelles e disse "eu te avisei", sacou uma pistola e atirou duas vezes na cabeça da vítima, que morreu na hora. A mulher e o filho nada sofreram.
Dornelles era dono do Posto Guaíba, localizado na BR 463, em Ponta Porã. Ele é sobrinho de João Dornelles, candidato pelo PPS a vice-prefeito de Vagner Piantoni (PT), em Ponta Porã.
 
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDEO CAPIVARA NA IGREJA
Capivara invade igreja: 'acho que ela veio rezar conosco', brinca Padre
BEBEDEIRA
Idoso conhece mulher, leva para casa é atacado a facadas
ROUBO DE CARGA
Três mil pessoas roubam carga de carne após carreta tombar e provocam novo acidente
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa credita 1ª parcela do Auxílio Emergencial nesta quinta para nascidos em maio
mulher carro beltrao 1 VIDEO
Mulher cai e fica ferida após ser flagrada em cima de carro em movimento
DESESPERADOR
Covid-19: Brasil registra 3.808 mortes em 24 horas
EXEMPLAR
Cidade modelo que vacinou 64% da população vê casos de covid-19 caírem 78%.
NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições