Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 1 de agosto de 2021
Busca
Brasil

Empresário conta por que queria vender Neymar

27 Ago 2010 - 13h56Por Folha
O empresário de futebol Wagner Ribeiro, 51, costuma ser hostilizado quando vai ao estádio. "É chato isso. Não tenho culpa, nunca vendi um jogador que não quisesse sair ou que o clube não quisesse vender", disse à Folha, em seu escritório em Moema.

Ex-empresário dos badalados Kaká e Robinho, tornou-se alvo da ira dos torcedores após intermediar transferências para a Europa. Virou vilão da torcida santista depois de insistir na venda de Neymar, 18, para o Chelsea.  

 

"O "vilão" é uma forma de o torcedor expressar sua insatisfação", afirmou ele.

Ex-são-paulino fanático, diz que agora torce por seus jogadores e defende o modelo de venda dos direitos dos atletas. Ribeiro afirma que, antes de agente, é um amigo dos seus clientes e critica o comportamento do presidente do Santos: "Ele agiu como um presidente-torcedor."

Deixe seu Comentário

Leia Também

CÃOPAINHA
Cachorro toca campainha após ficar trancado fora de casa
SONHO INTERROMPIDO
Ultimo ensaio fotográfico minutos antes de médico sofrer choque e morrer nas vésperas de casamento
OLIMPÍADA
Rebeca é prata e faz história na ginástica olímpica em Tóquio
FENÔMENO DA NATUREZA
Chuva de meteoros será visível na madrugada de quinta para sexta em todo Brasil
A CASA CAIU
Mulheres se unem e surram "valentão" flagrado agredindo ex no meio da rua
CRISE HÍDRICA
Novas fontes preparam MS para a crise hídrica, ressalta governador
ABAIXO DE ZERO
Com -8,6°C, SC registra a menor temperatura do Brasil em 2021, diz Inmet
COVID-19
Em dia de aumento de casos Brasil tem 1.333 óbitos por Covid - 19 nas últimas 24 horas
CONCURSO PÚBLICO
Caixa Econômica convocará 9 mil de concursos e abre mais mil vagas
BRASIL - 550.502 MORTES
Covid-19: país ultrapassa 550 mil mortes e tem 19,7 milhões de casos