Menu
SADER_FULL
terça, 28 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Empregados em concessionárias de veículo terão 7.13% de reajuste em MS

7 Nov 2009 - 07h44Por Fátima News, com Assessoria

Empregados em concessionárias de todo Estado – à exceção de 4 municípios – terão reajuste de 7.13% a partir de 1º novembro, para quem ganha o piso, que passa de R$ 505,00 para R$ 541,00. Para quem ganha acima do piso, o reajuste será de 6,5%. Esse acordo acaba de ser fechado entre a Federação dos Trabalhadores no Comércio e Serviços de Mato Grosso do Sul – Fetracom/MS e o Sindicato Profissional das Concessionárias de Veículos Automotivos de Mato Grosso do Sul (patronal).

 

 

Trata-se da Convenção Coletiva de Trabalho 2009/10, que foi fechada hoje na sede da Fetracom com a presença do presidente da entidade, Idelmar da Mota Lima e do diretor João Aparecido Spontoni, com o presidente do sindicato patronal, empresário Luiz Antônio de Souza Campos.

 

 

Segundo Idelmar, esse acordo só não vale para os municípios de Dourados, Nova Andradina, Naviraí e Paranaíba, que fecharam acordos próprios com a categoria patronal.

 

 

O presidente da Fetracom considerou vantajoso o acordo, já que os índices ficaram acima do acumulado da inflação nos últimos 12 meses. “Apesar das dificuldades econômicas que o Estado passou recentemente, conseguimos fechar essa convenção com percentuais satisfatórios”,comentou.

 

 

Dourados – No mesmo local o presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Dourados, Pedro Lima, que também representa o setor de concessionárias de veículos, fechou acordo estabelecendo um reajuste de 8,37% sobre os pisos salariais, que passaram aos seguintes valores: Vendedores, R$ 570,00; faxineiras e copeitas, R$ 557,00 e officie boy, R$ 514,00. Para quem ganha acima desses pisos o aumento foi de 6,5%, informa o líder sindical.

 

 

Eurides Silveira de Freitas, presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Três Lagoas e Nilson de Souza, do sindicato de Nova Andradina, que abrange ainda os municípios de Anaurilândia, Bataguassu, Batayporã e Taquarussu, fecharam também convenções coletivas individuais com o percentual de 7.13% para os respectivos pisos salariais e 6.5% para quem ganha acima. Em Aparecida do Taboado, uma exceção: o piso, que era de R$ 581,25 passou para R$ 617,00.

 

Leia Também

PICTURE SEO E SEUS BENEFÍCIOS
Os benefícios de SEO para comércio eletrônico
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mãe entra na sala de casa e flagra filha de 13 anos fazendo sexo oral no padrasto bombeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
O chamado de Abraão
CARRO DESGOVERNADO
Aluno de 13 anos é atropelado e prensado contra muro de colégio por carro desgovernado
SOB INVESTIGAÇÃO
Amigos saem para pescar e encontram cadáver boiando em rio
DESASTRE AÉREO
Diretor da UPA que sofreu acidente aéreo no Pantanal morre em hospital
COVID-19
Covid-19: Brasil tem 15,7 mil novos casos e 537 mortes em 24 horas
+ AUMENTO
Gasolina sobe pela 8ª semana seguida nos postos, aponta ANP
PAN AMERICANO JUNIOR
Atleta de MS carregará as cores do Brasil no vôlei de praia nos Jogos Pan-Americanos Júnior
LIÇÕES DA BÍBLIA
Prefácio de Deuteronômio