Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 1 de abril de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
semana do trânsito

Embriaguez leva a cassação de seis CNHs por dia em Mato Grosso do Sul

O crescimento de documentos cassados está relacionado a uma maior efetividade da fiscalização da Lei Seca

18 Set 2013 - 07h53Por Correio do Estado

De janeiro a agosto deste ano, 1.500 motoristas de Campo Grande tiveram a carteira de habilitação cassada por dirigir sob o efeito de álcool, número três vezes maior que o registrado em todo o ano passado, segundo estatística apresentada ontem pelo Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran/MS) durante audiência pública na Assembleia Legislativa, que abriu a programação da Semana Nacional de Trânsito no Estado. Na prática, significa que seis condutores perdem a habilitação por dia em decorrência causa deste tipo de infração, ou média de 185 por mês. A reportagem está na edição de hoje (18) do jornal Correio do Estado.

O crescimento de documentos cassados está relacionado a uma maior efetividade da fiscalização da Lei Seca, mas também à tecnologia do sistema de dados do próprio departamento, agilizando o registro das ocorrências, antes feito de forma manual. Mesmo assim, é grande o caminho a ser percorrido na Capital sul-mato-grossense para abolir a infame prática de beber, dirigir e colocar a própria vida e a de terceiros em risco.

Somente no mês passado, 45% das mortes em acidentes de trânsito no município ocorreram por causa do consumo de álcool. Neste ano (até agosto), 70 pessoas morreram no trânsito da Capital, número ainda inferior ao do mesmo período de 2012, quando ocorreram 79 óbitos, conforme dados do Detran (as estatísticas também incluem as mortes ocorridas 30 dias após o acidente).

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL 2019
Relembre os principais momentos esportivos do Brasil em 2019
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Governo abre inscrições para contratar 751 profissionais de saúde em MT
BRASIL - 175 MORTOS
Casos de coronavírus no Brasil em 31 de março
SEQUESTRO
Depois de quase 3 horas, homem que fazia ex-esposa de refém se entrega
DOURADOS - COMÉRCIO CONTINUARÁ FECHADO
Sem acordo, Délia diz que comércio continuará fechado na 2ª maior cidade do Estado de MS
JATEÍ - AÇÃO SOCIAL
JATEÍ: Detentas doam seus cabelos para pacientes com câncer do Hospital do Câncer de Barreto
SEU BOLSO
FGTS: trabalhador tem até hoje para fazer saque de até R$ 998
COVID-19
VÍDEO: Com irmão internado, cantor Mariano está assintomático para o novo coronavírus
NO LIMITE
"A gente já chegou no limite", diz Bolsonaro sobre economia do país
SHOW HUMANIZADO
Com 5 horas de live, Gusttavo Lima arrecada 100 mil para combater o Covid-19