Menu
SADER_FULL
sexta, 17 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Em MS, mais de 20 mil portes de arma estão sem validade

22 Set 2004 - 09h28
A partir desta quarta-feira, cerca de 20.250 pessoas que possuem porte de armas de fogo em Mato Grosso do Sul perdem o direito.
Todos os portes de armas em circulação no país, expedidos pela Polícia Federal ou pelas polícias estaduais, venceram ontem. Fica proibido circular com armas. A partir de agora, para conseguir um novo porte ou renovar o atual, o interessado precisará se submeter às regras do Estatuto do Desarmamento, entre elas ter mais de 25 anos de idade, ter profissão de risco ou estar sob ameaça. As pessoas interessadas terão que comprovar, apresentar documentos ou provas junto a Polícia Federal da real necessidade do uso de arma, para tentar obter esse porte. A pena para quem portar arma de fogo ilegalmente é de dois a quatro anos de reclusão e multa. O crime é inafiançável.

 

 

Grande FM



Deixe seu Comentário

Leia Também

TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões
LIÇÕES DA BÍBLIA
Uma rua de mão dupla
LATROCINIO
Dupla invade casa, tranca mulher e crianças em quarto e mata homem degolado
SAQUE EMERGENCIAL
Caixa cria calendário para liberar nova rodada de dinheiro do FGTS
TRAGEDIA AÉREA
Acidente aéreo mata sócio da Raizen e outras seis pessoas