Menu
SADER_FULL
sexta, 18 de junho de 2021
Busca
Brasil

Em MS, 16 pessoas morreram por dengue

24 Mar 2010 - 10h36Por Diário MS

A mais letal epidemia de dengue da história de Mato Grosso do Sul pode ter causado 25 mortes, sendo que 16 já foram confirmadas pela Secretaria Estadual de Saúde. Nove mortes ainda estão sob investigação. Em Dourados, quatro mortes já foram confirmadas e outras três estão sendo investigadas. Em MS, até sexta-feira eram quase 40 mil casos notificados. Em 38 municípios, incluindo Dourados, a dengue está fora de controle, o que caracteriza epidemia da doença.

Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde, até sexta-feira eram 38.989 mil casos notificados. A incidência é considerada muito alta em 38 municípios, incluindo Dourados, onde já são 2.392 casos notificados até agora. Segundo boletim divulgado ontem pelo Núcleo de Vigilância Epidemiológica, no município já são 1.271 casos confirmados – sendo sete casos de dengue complicado e seis de febre hemorrágica.

Em todo o Estado, 16 mortes por dengue já foram confirmadas em menos de três meses deste ano. Quatro delas foram registradas em Dourados – todas elas mulheres, com idade entre 14 e 74 anos. A morte suspeita de uma adolescente de 14 anos, registrada na semana passada, foi confirmada ontem pela secretaria de Saúde.

Além das quatro mortes registradas em Dourados, outras sete também morreram em Campo Grande, três em Jardim, uma em Corumbá e outra em Rio Brilhante. Outras nove pessoas morreram após apresentar sintomas da doença. As mortes ainda estão sob investigação, sendo três em Campo Grande, três em Dourados e três em Jardim. Nunca a doença causou tantas mortes no Estado. Em Campo Grande, o maior número de óbitos confirmados na história era de duas mortes por ano.

A última morte a ser investigada em Dourados é de outro adolescente, de 13 anos, morto na madrugada de ontem no Hospital da Vida de Dourados, vítima de dengue hemorrágica. Segundo o atestado de óbito, divulgado pelo hospital, as causas da morte do menino foram choque séptico, pneumonia, dengue hemorrágica e falência múltipla dos órgãos. O caso está sendo investigado pelo Núcleo de Vigilância Epidemiológica. Em Dourados, além dos casos confirmados, outros 866 ainda aguardam confirmação pelo Lacen (Laboratório Central), em Campo Grande. Outros 255 casos foram descartados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NA MÚSICA
Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos
VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade
MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado