Menu
SADER_FULL
quarta, 19 de janeiro de 2022
Busca
Brasil

Em MS, 16 pessoas morreram por dengue

24 Mar 2010 - 10h36Por Diário MS

A mais letal epidemia de dengue da história de Mato Grosso do Sul pode ter causado 25 mortes, sendo que 16 já foram confirmadas pela Secretaria Estadual de Saúde. Nove mortes ainda estão sob investigação. Em Dourados, quatro mortes já foram confirmadas e outras três estão sendo investigadas. Em MS, até sexta-feira eram quase 40 mil casos notificados. Em 38 municípios, incluindo Dourados, a dengue está fora de controle, o que caracteriza epidemia da doença.

Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde, até sexta-feira eram 38.989 mil casos notificados. A incidência é considerada muito alta em 38 municípios, incluindo Dourados, onde já são 2.392 casos notificados até agora. Segundo boletim divulgado ontem pelo Núcleo de Vigilância Epidemiológica, no município já são 1.271 casos confirmados – sendo sete casos de dengue complicado e seis de febre hemorrágica.

Em todo o Estado, 16 mortes por dengue já foram confirmadas em menos de três meses deste ano. Quatro delas foram registradas em Dourados – todas elas mulheres, com idade entre 14 e 74 anos. A morte suspeita de uma adolescente de 14 anos, registrada na semana passada, foi confirmada ontem pela secretaria de Saúde.

Além das quatro mortes registradas em Dourados, outras sete também morreram em Campo Grande, três em Jardim, uma em Corumbá e outra em Rio Brilhante. Outras nove pessoas morreram após apresentar sintomas da doença. As mortes ainda estão sob investigação, sendo três em Campo Grande, três em Dourados e três em Jardim. Nunca a doença causou tantas mortes no Estado. Em Campo Grande, o maior número de óbitos confirmados na história era de duas mortes por ano.

A última morte a ser investigada em Dourados é de outro adolescente, de 13 anos, morto na madrugada de ontem no Hospital da Vida de Dourados, vítima de dengue hemorrágica. Segundo o atestado de óbito, divulgado pelo hospital, as causas da morte do menino foram choque séptico, pneumonia, dengue hemorrágica e falência múltipla dos órgãos. O caso está sendo investigado pelo Núcleo de Vigilância Epidemiológica. Em Dourados, além dos casos confirmados, outros 866 ainda aguardam confirmação pelo Lacen (Laboratório Central), em Campo Grande. Outros 255 casos foram descartados.

Leia Também

OMICRON
Brasil dobra contágio nas 24h e registra 74,1 mil novos casos de covid-19 e 121 mortes
LIÇÕES DA BIBLIA
Carne e Sangue como nós
ABUSO SEXUAL
Meninas escutam mãe contando de abuso sexual e fazem relato chocante sobre tio-avô
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, foram confirmados pelas autoridades sanitárias 24.934 novos casos de Covid-19
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Jovem morre após ser atingido por avião agrícola pilotado pelo pai
TEMPORAL - VIDEO
Forte chuva derruba árvores e deixa 23 mil pessoas sem energia
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, as autoridades de saúde notificaram 175 novos óbitos, totalizando 620.971
TRAGÉDIA
Deslizamento de terra destroi casarão histórico em Ouro Preto MG
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai, mãe e três filhas morrem em capotamento de caminhão
BIG BROTHER
Saiba quem foram os ex-BBBs que já morreram; 3 estiveram no BBB9