Menu
SADER_FULL
sexta, 24 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Em 5 anos, Senai já qualificou 283 militares da Base Aérea

16 Out 2009 - 16h49Por Fátima News, com Assessoria

Apenas nesta sexta-feira 61 soldados da BACG receberam os certificados nos cursos de operador de microcomputador, mecânica diesel, mecânica de motocicletas e eletricista instalador predial

 

 

A Escola do Senai de Campo Grande já qualificou, entre 2004 e 2009, 283 militares da BACG (Base Aérea de Campo Grande) no âmbito do Projeto Soldado Cidadão, que é fruto de convênio com o Ministério da Defesa e visa preparar os jovens durante o período em que estão prestando o serviço militar obrigatório para que tenham mais condições de ingressarem no mercado de trabalho quando retomarem a vida civil.

 

 

Segundo o gerente da Escola do Senai de Campo Grande, Artur Quintella, o Projeto, que é realizado nacionalmente, está alinhado com o cumprimento da missão social da entidade. “Temos essa preocupação de preparar o jovem para o mercado de trabalho e para o convívio social. Essa parceria funciona muito bem, até pelo perfil dos alunos que são disciplinados e dedicados ao curso, tanto que não temos casos de desistências com esse público”, declarou.

 

 

O comandante da BACG, coronel-aviador Reynaldo Pereira Alfarone Júnior, ressalta que o Governo Federal, por meio das Forças Armadas, tem grande preocupação com o futuro do jovem que cumpriu o serviço militar obrigatório. “Essa parceria é extremamente importante para que o jovem deixe as Forças Armadas em condições de conseguir uma colocação no mercado de trabalho. Assim ele tem aqui dentro uma oportunidade de aprender uma profissão que poderá desenvolver”, pontuou.

 

 

Formandos

 

 

Nesta sexta-feira (16/10), no auditório da BACG, mais 61 soldados da FAB (Força Aérea Brasileira) que estão prestes a deixar o serviço militar obrigatório receberam do Senai os certificados de conclusão dos cursos de qualificação em operador de microcomputador (10 alunos), mecânica diesel (17 alunos), mecânico de motocicletas (15 alunos) e eletricista instalador predial (19 alunos).

 

 

Durante a cerimônia de formatura, os instrutores do Senai Clélia da Cruz Souza, Lázaro Calazans e Eduardo da Costa receberam certificados de agradecimento pela atenção dispensada aos alunos, enquanto o gerente da Escola do Senai de Campo Grande, Artur Quintella, ganhou uma homenagem, impressa em um quadro de agradecimento.

 

 

O soldado Ricardo da Silva Vargas, 19 anos, que deixará a BACG em agosto de 2011, fez o curso de operador de microcomputador e está otimista com o futuro. “Eu gosto de trabalhar com escritório, já faço isso aqui e vejo que o curso me ajudou muito. Quando sair, eu sei que poderei ter chances de encontrar um trabalho nessa área”, disse.

 

 

Já o soldado Ageu Sales de Lima, 24 anos, que dará baixa em fevereiro do próximo ano, contou que é tapeceiro, mas agora terá uma outra profissão. “Eu fiz o curso de eletricista instalador predial e tenho essa como uma segunda opção para trabalhar. Foi muito importante participar desse curso”, afirmou.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ROTA BIOCEÂNICA
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
CASTELO DE AREIA
Idoso casa com prostituta 35 anos mais nova e flagra com outro
DOENÇA DO SÉCULO
Servidor público é encontrado pendurado em árvore
COVID-19
Ministra de Bolsonaro testa positivo para Covid e cancela agenda em Nova Andradina
ASSUSTADOR
Homem encontra boneca na parede com bilhete misterioso: "obrigada por me libertar"
VIDEOS VAZADOS
Torcedora do flamengo esquenta a web com vídeos íntimos
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra em 24 horas 36.473 novos casos e 876 novas mortes
REVOLTANTE
Criança autista vítima de maus tratos é encontrada comendo fezes de cachorro para sobreviver
HOMICIDIO X SUICÍDIO
Marido mata esposa e tira própria vida; criança de 3 anos pede socorro a vizinho
NEGLIGÊNCIA
Criança de 2 anos ao volante mata prima de 3 anos atropelada