Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 9 de maio de 2021
Busca
Brasil

Eleitos são diplomados

8 Dez 2004 - 07h30
Cláudio Xavier
 
A Justiça Eleitoral diplomou, ontem, os eleitos do município para o mandato 2005/2008. A cerimônia aconteceu às 10h, no Fórum local, presidida pelo juiz da 39ª zona eleitoral de Deodápolis, Cássio Roberto dos Santos.
Receberam seus diplomas o prefeito eleito Manoel José Martins (PSDB), o vice-prefeito Paulo Roberto de Oliveira Paz (PFL) e os vereadores Maria Alves de Assis de Souza (PFL), Valmir de Lima Manoel (PFL), Geomar Gomes (PL), Márcio Teles Pereira (PT), Ademilson Pereira de Moura (PT), José Medeiros da Silva (PSDB), Arnaldo Ferreira de Araújo (PSB), Deodato Leonardo da Silva (PT do B) e Cícero Alexandre da Silva (PL).
Ainda, diplomados os suplentes de vereador Expedito Ponciano da Silva (PFL), Aparecida José Martins do Nascimento (PSDB), Francisco Eusébio de Oliveira (PDT), Renato Cirilo (PPS), Antonio Anselmo da Silva Junior (PT do B) e Antonio Vieira da Silva (PPS), Luiz Berloffa (PT), Hilário Vieira Pinho (PT) e Narciso Pereira Canteiro (PFL).
Um grande público lotou as dependências da sala do Tribunal do Júri, entre familiares e correligionários dos diplomados. Entre as autoridades presentes, o delegado de Polícia Civil José Ricardo Rodrigues Mota, o comandante do Destacamento PM Reizael dos Santos Machado, a promotora Aline Mendes Franco Lopes, o chefe do cartório eleitoral Marco Antonio da Silva Barreto e outros convidados.
A posse dos eleitos, segundo informações do próprio prefeito eleito, deve acontecer às 8h, do dia 1º de janeiro, na própria prefeitura. “Estarei mantendo contato com o prefeito atual, Luiz Ferreira Viana, para acertar estes detalhes”, adianta Manezinho, observando que, “devemos realizar uma cerimônia simples, dentro do próprio Gabinete e, em seguida, já dar início ao trabalho”. Os vereadores deverão ser empossados, também na manhã do dia 1º, no plenário da Câmara Municipal, quando acontecerá a eleição da nova Mesa Diretora.
TRANSIÇÃO
O processo de transição de governo, em Deodápolis, já está ocorrendo desde o início do mês. Segundo Manezinho, foi enviado requerimento ao prefeito Luiz Viana, solicitando a documentação exigida pela LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal), que já está sendo providenciada pelos setores competentes da administração.
Paralelamente, a comissão de transição, nomeada pelo prefeito eleito, formada por Carlos Antonio Pietro, Luiz Antonio de Lima e Edileimar Corrêa, está instalada em uma sala na prefeitura, analisando os documentos. “Conforme foi divulgado, anteriormente, por este jornal, a transição está ocorrendo dentro do previsto, com tranqüilidade e total favorecimento por parte do prefeito Viana”, observa Manoel Martins, adiantando que, “tão logo tenhamos conhecimento da real situação do município, passaremos a estruturação de nossa equipe administrativa.
 
 
 
Diário MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'
PANDEMIA CORONAVIRUS
Triste número: Brasil ultrapassa 400 mil mortes por Covid-19
REVOLTA
Pastor zomba da fé dos indígenas Trukás que revoltados quebram templo em construção; veja o vídeo