Menu
SADER_FULL
segunda, 14 de junho de 2021
Busca
Brasil

Dourados também pode perder recursos da Clínica da Mulher

10 Dez 2009 - 10h58Por Dourados News

Pendências no projeto básico de arquitetura, nas planilhas orçamentárias e no projeto de vigilância sanitária estão causando atraso a no início das obras da Clínica da Mulher que deverá ser construída no Parque Alvorada. Os recursos destinados pelo Ministério da Saúde para a obra, no valor de R$ 901.500,00, estão empenhados desde 31 de dezembro de 2007, enquanto o dinheiro para a compra dos equipamentos (R$ 443.487,93) foi liberado no dia 8 de dezembro de 2008 para a Prefeitura de Dourados.

De acordo com diligência encaminhada no dia 19 de novembro último pelo Fundo Nacional de Saúde, várias pendências solicitadas em diligências anteriores não foram totalmente resolvidas. Por conta disso, o convênio do Município com o Ministério da Saúde, que tinha vencido no último dia 30 de junho, foi prorrogado para 30 de março de 2010. Se até esta data todos os problemas não forem solucionados, o Município vai perder a verba para a obra.

Segundo o deputado federal Geraldo Resende (PMDB), que articulou os recursos para a construção e equipamentos da Clínica da Mulher, a primeira demora se deveu à dificuldade da administração municipal, na gestão anterior, em conseguir uma área para o projeto. Somente depois de intervenção do parlamentar junto à Associação Beneficente Muçulmana da Grande Dourados é que a questão foi resolvida, já no início deste ano.

A Clínica da Mulher deverá ser implantada na Avenida Gauicurus, lote A-02 da quadra 8 (lado par) do Parque Alvorada, cuja área total é de 3.830,36 metros quadrados. A área construída será de 782,60 metros quadrados, estando previstas as seguintes estruturas: estacionamento de 400 metros quadrados; sala para triagem; posto de enfermagem; três consultórios; três salas para ultra-sonografia; salas para exame de densitometria óssea, cardiotacografia, mamografia; administração; auditório; sala de espera para 70 pessoas; copa; cozinha; sala de faturamento, dois banheiros para pessoas com deficiência; vestiário para funcionários; sala de observação, orientação sobre planejamento familiar, atendimento às senhoras em idade de climatério, atendimento de alto risco e esterilização; e jardins internos com o objetivo de melhorar a ventilação e iluminação no interior do prédio.

Equipamentos

Em 8 de dezembro do ano passado, o Ministério da Saúde liberou, diretamente na conta da Prefeitura de Dourados, R$ R$ 443.487,93 que serão destinados à compra de equipamentos para a Clínica da Mulher. O Município ainda deverá entrar com contrapartida de R$ 23.477,07, totalizando R$ 466.965,00.

Segundo Geraldo Resende, o dinheiro será destinado para a compra de equipamentos de ponta como o de ultrasonografia, mamografia, entre outros, que vão possibilitar atendimento completo às mulheres, conforme preconiza o Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher, do Ministério da Saúde.


Deixe seu Comentário

Leia Também

CÓDIGO DE TRÂNSITO
Mudanças no código de trânsito brasileiro e suas implicações para motoristas
ESPORTE PELO MUNDO
Em fase artilheira no Cazaquistão, lateral Bryan, ex-Cruzeiro, valoriza presença e relacionamento
FOTO: Só Notícias / Luan Cordeiro / ASSESSORIA COPA AMÉRICA 2021 - NO BRASIL
COPA AMÉRICA: Confira as 06 Seleções que jogarão na Arena Pantanal
biden vacinas capa 696x487 SOLIDARIEDADE
Biden anuncia que vai mandar vacinas para o Brasil e outros países
FENÔMENO RARO
Junho tem Eclipse Solar, Lua de Morango e dia mais longo do ano
PROTESTOS PELO BRASIL
29M pelo fora Bolsonaro chegou a mais de 200 cidades e ganhou as redes sociais
ATENTADO AO PUDOR
Prostitutas exibem partes íntimas no meio da rua, moradores reclamam, Vídeos
NA BRONCA
Bolsonaro aciona STF contra decretos estaduais que impõem restrições para conter Covid-19
BARBÁRIE
Homem encontra partes do corpo do filho em rio
FENÔMENO RARO
Super Lua de Sangue e Eclipse total acontece nesta quarta