Menu
ASSEMBLEIA DEZEMBRO 2021
terça, 7 de dezembro de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Dourados também pode perder recursos da Clínica da Mulher

10 Dez 2009 - 10h58Por Dourados News

Pendências no projeto básico de arquitetura, nas planilhas orçamentárias e no projeto de vigilância sanitária estão causando atraso a no início das obras da Clínica da Mulher que deverá ser construída no Parque Alvorada. Os recursos destinados pelo Ministério da Saúde para a obra, no valor de R$ 901.500,00, estão empenhados desde 31 de dezembro de 2007, enquanto o dinheiro para a compra dos equipamentos (R$ 443.487,93) foi liberado no dia 8 de dezembro de 2008 para a Prefeitura de Dourados.

De acordo com diligência encaminhada no dia 19 de novembro último pelo Fundo Nacional de Saúde, várias pendências solicitadas em diligências anteriores não foram totalmente resolvidas. Por conta disso, o convênio do Município com o Ministério da Saúde, que tinha vencido no último dia 30 de junho, foi prorrogado para 30 de março de 2010. Se até esta data todos os problemas não forem solucionados, o Município vai perder a verba para a obra.

Segundo o deputado federal Geraldo Resende (PMDB), que articulou os recursos para a construção e equipamentos da Clínica da Mulher, a primeira demora se deveu à dificuldade da administração municipal, na gestão anterior, em conseguir uma área para o projeto. Somente depois de intervenção do parlamentar junto à Associação Beneficente Muçulmana da Grande Dourados é que a questão foi resolvida, já no início deste ano.

A Clínica da Mulher deverá ser implantada na Avenida Gauicurus, lote A-02 da quadra 8 (lado par) do Parque Alvorada, cuja área total é de 3.830,36 metros quadrados. A área construída será de 782,60 metros quadrados, estando previstas as seguintes estruturas: estacionamento de 400 metros quadrados; sala para triagem; posto de enfermagem; três consultórios; três salas para ultra-sonografia; salas para exame de densitometria óssea, cardiotacografia, mamografia; administração; auditório; sala de espera para 70 pessoas; copa; cozinha; sala de faturamento, dois banheiros para pessoas com deficiência; vestiário para funcionários; sala de observação, orientação sobre planejamento familiar, atendimento às senhoras em idade de climatério, atendimento de alto risco e esterilização; e jardins internos com o objetivo de melhorar a ventilação e iluminação no interior do prédio.

Equipamentos

Em 8 de dezembro do ano passado, o Ministério da Saúde liberou, diretamente na conta da Prefeitura de Dourados, R$ R$ 443.487,93 que serão destinados à compra de equipamentos para a Clínica da Mulher. O Município ainda deverá entrar com contrapartida de R$ 23.477,07, totalizando R$ 466.965,00.

Segundo Geraldo Resende, o dinheiro será destinado para a compra de equipamentos de ponta como o de ultrasonografia, mamografia, entre outros, que vão possibilitar atendimento completo às mulheres, conforme preconiza o Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher, do Ministério da Saúde.


Leia Também

SONHO DA MATERNIDADE
Servidora Pública perde marido para a Covid, mas realiza sonho e dá à luz trigêmeos
LIÇÕES DA BIBLIA
O céu dos céus
covid_04.12 COVID NO BRASIL
Covid-19: país tem 22,1 milhões de casos e 615,5 mil mortes
LIÇÕES DA BIBLIA
Deuteronômio em escritos posteriores
ABUSO DE AUTORIDADE
PM arrasta homem negro algemado em moto; "Como na escravidão", diz gravação
REVOLTANTE
Índia de 13 anos violentada pelo avô busca ajuda e acaba estuprada por 4 em unidade saúde
DOENTIO
Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola
PONTE BIOCEÂNICA
Ponte Bioceânica vai ganhar nova data de lançamento; Bolsonaro e Marito participam
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com estados da região Sul, Azambuja quer integração ferroviária e união para redução de carbono
PIX SAQUE
Pix Saque começa hoje:comércio vê nova ferramenta como chamariz para clientes,mas teme por segurança