Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 1 de dezembro de 2021
Busca
Brasil

Dourados atinge os índices de qualidade de vida definidos pela ONU

8 Dez 2009 - 16h37Por Assecom

O serviço de abertura de valas as margens de ruas e avenidas de Dourados deve continuar até o final do ano que vem. A Prefeitura, e os Governos Estadual e Federal têm investido milhões de reais em obras de drenagem, esgoto sanitário e ampliação da rede de água.

As obras colocam a cidade em condição de oferecer qualidade de vida à população, cumprindo com os padrões de desenvolvimento definidos pela Organização das Nações Unidades (ONU).

Este conjunto de ações destaca Dourados como uma cidade preocupada com o IDH(Índice de Desenvolvimento Humano), que serve como referencial da ONU para medir a atuação dos municípios. O IDH não mede somente as condições de infraestrutura em especial as redes de água e esgoto, mas também a adoção de medidas por parte dos governos que visem a melhoria das condições de moradia da população, a excelência dos serviços de educação pública, políticas de inclusão social e investimento em projetos de esporte e lazer que garantam melhor condição de vida.

De acordo com o prefeito Ari Artuzi, o município e o Governos estadual e federal têm mantido um excelente entendimento no que diz respeito ao desenvolvimento econômico e social de Dourados. Prova disso é que atualmente, como informou Artuzi, os investimentos destinados ao município têm contribuído para a execução e conclusão de projetos nas mais diversas áreas.

Jorge Torraca, engenheiro da Secretaria Municipal de Obras, informou que a cidade este ano conseguiu atingir índices satisfatórios com a finalização de 80% dos serviços de esgotamento sanitário, além de melhorar e ampliar a Rede de Água, atingindo 98% dos domicílios, ou seja, uma cobertura quase que integral.

Drenagem

Ainda dentro das ações de melhoria da qualidade de vida em Dourados, com o aumento dos investimentos em infraestrutura, o prefeito Ari Artuzi deve assinar esta semana em Brasília o termo de autorização de crédito para liberação de R$ 35 milhões em microdrenagem de águas pluviais e canalização. Deste montante disponibilizado pelo Ministério das Cidades, R$ 2 milhões são contrapartida da Prefeitura.

A audiência de assinatura do termo de habilitação para realização de operação de crédito referente aos recursos federais será no Palácio Buriti. Com este crédito, o município irá resolver em 70% o problema de inundações e enchentes na cidade, abrangendo regiões como a Vila Cachoeirinha, Novo Horizonte, Jardim Pantanal e áreas consideradas críticas. As obras irão beneficiar cerca de 19 mil famílias.

 

Leia Também

DOENTIO
Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola
PONTE BIOCEÂNICA
Ponte Bioceânica vai ganhar nova data de lançamento; Bolsonaro e Marito participam
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com estados da região Sul, Azambuja quer integração ferroviária e união para redução de carbono
PIX SAQUE
Pix Saque começa hoje:comércio vê nova ferramenta como chamariz para clientes,mas teme por segurança
TRAGÉDIA NA LINHA DO TREM
vítima comemorou aniversário do marido um dia antes de morrer com a filha em acidente com trem
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 9,2 mil novos casos
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça