Menu
SADER_FULL
domingo, 13 de junho de 2021
Busca
Brasil

Dose contra H1N1 já imunizou 4.500 pessoas em Dourados

16 Mar 2010 - 15h15Por Dourados Agora
A primeira etapa da vacinação contra a Influenza A (H1N1), também conhecida como gripe suína, já imunizou 3.540 índios e cerca de mil profissionais da saúde em Dourados. A vacinação da população indígena está sendo realizada pela Fundação Nacional da Saúde (Funasa), cuja meta é imunizar 100% dos 13 mil índios das quatro aldeias de Dourados – Jaguapiru, Bororó, Panambizinho e Porto Cambira.

A  coordenadora técnica da Saúde Indígena da Funasa, a enfermeira Liliane Ferreira da Silva, acredita que não será possível atingir a meta de 100% em todas as aldeias de Dourados porque muitos índios trabalham em usinas fora de Dourados. Mas, segundo ela, a meta preconizada pelo Ministério da Saúde é vacinar 80% dos índios em todo o país. O Dia “D” para vacinação indígena será no próximo sábado.

Quatro equipes estão fazendo a imunização nas aldeias em ações volantes e uma equipe percorre as escolas. A vacina também está disponível nas quatro unidades básicas de saúde das aldeias Jaguapiru e Bororó. A vacinação dessa primeira etapa termina dia 19, mas a Funasa pretende estender a imunização dos índios por mais uma semana além do prazo estipulado pelo Ministério da Saúde, para atingir a maior cobertura possível.

A diretora de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Dourados, Elisa Hidalgo, informou que a vacinação dos profissionais da saúde não será prorrogada. Quem não se imunizar até dia 19 não será beneficiado com a vacina gratuita distribuída pelo Ministério da Saúde. Para os profissionais da saúde, considerados grupo de risco, Dourados recebeu 1.830 doses. Segundo Elisa Hidalgo, para os profissionais de saúde não está prevista uma nova etapa de imunização.

Outras etapas
A segunda etapa de vacinação contra a gripe A está prevista no período de 22 de março a 2 de abril e vai atingir grávidas de qualquer tempo de gestação, pacientes com doenças crônicas com idade inferior a 60 anos e crianças dos seis meses aos dois anos de idade.

A terceira etapa está prevista para o período de 5 a 23 de abril e vai atingir a população entre 20 e 29 anos de idade. A quarta etapa, para pessoas abaixo de 60 anos de idade com doenças crônicas, será no período de 24 de abril a 7 de maio. Uma quinta etapa, para pessoas de 30 a 39 anos de idade, também está confirmada, porém, ainda sem data definida.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CÓDIGO DE TRÂNSITO
Mudanças no código de trânsito brasileiro e suas implicações para motoristas
ESPORTE PELO MUNDO
Em fase artilheira no Cazaquistão, lateral Bryan, ex-Cruzeiro, valoriza presença e relacionamento
FOTO: Só Notícias / Luan Cordeiro / ASSESSORIA COPA AMÉRICA 2021 - NO BRASIL
COPA AMÉRICA: Confira as 06 Seleções que jogarão na Arena Pantanal
biden vacinas capa 696x487 SOLIDARIEDADE
Biden anuncia que vai mandar vacinas para o Brasil e outros países
FENÔMENO RARO
Junho tem Eclipse Solar, Lua de Morango e dia mais longo do ano
PROTESTOS PELO BRASIL
29M pelo fora Bolsonaro chegou a mais de 200 cidades e ganhou as redes sociais
ATENTADO AO PUDOR
Prostitutas exibem partes íntimas no meio da rua, moradores reclamam, Vídeos
NA BRONCA
Bolsonaro aciona STF contra decretos estaduais que impõem restrições para conter Covid-19
BARBÁRIE
Homem encontra partes do corpo do filho em rio
FENÔMENO RARO
Super Lua de Sangue e Eclipse total acontece nesta quarta