Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 28 de novembro de 2021
Busca
Brasil

Dos 815 concorrentes, apenas 244 foram aprovados no exame da OAB em MS

18 Jan 2011 - 13h10Por Mídia Max

A segunda fase do Exame da OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil) de 2010 teve um índice de aprovação de 11.2%, inferior aos 14% de 2009. Para Leonardo Duarte, presidente estadual da ordem o índice se deve à severa correção da prova e as deficiências dos inscritos.

A segunda fase foi o primeiro a ser aplicado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e causou controvérsias por todo país. Em 20 de janeiro haverá uma reunião entre representantes de todas as seccionais da ordem, visando justamente debater este tema.

Mesmo com a severidade na correção, o principal problema apontado por Duarte é a pouca capacidade dos inscritos e a falta de qualidade de algumas universidades.

“O aluno chega no 3º grau sem saber compreender texto, assim fica complicado ir bem na prova. As universidades que selecionam mais seus alunos acabam tendo um índice maior de aprovação no exame”, afirmou Duarta.

Em Mato Grosso do Sul, dos 815 candidatos inscritos na segunda fase do Exame de Ordem 2010, apenas 244 foram aprovados.

 

Leia Também

COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 9,2 mil novos casos
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid -19 casos sobem para 22,043 milhões e mortes, para 613,3 mil
ESTUPRO DE VUNERALVEL
Menina de 11 anos conta para avô que é estuprada pelo padrasto
CRUELDADE
Justiça nega exame de insanidade a mulher que esquartejou filho
MANIACO SEXUAL
Homem é filmado passando a mão em mulher no meio da rua
+ AUMENTO
Conta de luz deve subir mais de 20% no ano que vem, estima ANEEL