Menu
SADER_FULL
sexta, 14 de maio de 2021
Busca
Brasil

Dólar volta a cair e sai a R$ 2,745 após euforia com Tesouro

25 Nov 2004 - 16h20
O segmento cambial voltou a trabalhar com a tendência de baixa do dólar nesta sessão, após a euforia com o anúncio da compra de US$ 3 bilhões pelo Tesouro Nacional ontem. Acompanhando o cenário global de depreciação do dólar, a moeda norte-americana fechou em queda de 0,36%, a R$ 2,7430 para compra e R$ 2,7450 para venda. Ao longo do dia, a divisa oscilou da mínima de R$ 2,7430 à máxima de R$ 2,76 na ponta vendedora.

Segundo o analista de câmbio da corretora Souza Barros, Carlos Alberto Abdala, o pregão ficou sem referencial nesta jornada, com o fechamento do mercado dos Estados Unidos, pelo feriado de Ação de Graças. "Não houve pressão no sentido de ingresso de moedas dos estrangeiros", disse.

Além disso, o especialista avalia que, devido à ausência de negócios em Nova York, ainda não é possível notar se a ação de compra informada pelo Tesouro tem uma influência maior ou menor na cotação da moeda. Ontem, o diretor de Política Econômica do BC, Afonso Beviláqua, disse que o Tesouro voltará ao mercado para completar a compra de até US$ 3 bilhões para o pagamento de dívida externa. Até outubro, foram adquiridos US$ 566 milhões.

A notícia animou os compradores e sustentou uma alta de 0,40% no fechamento de ontem, com o dólar cotado a R$ 2,7550. Ontem, logo após o anúncio de Beviláqua, a moeda chegou a tocar R$ 2,7670. Para Abdala, entretanto, ainda não é possível avaliar o impacto dessa compra, pois não está clara a forma como o Tesouro vai atuar.

Segundo o gerente de câmbio da corretora Novação, José Roberto Carreira, o dólar chegou a abrir mais forte com a avaliação da ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) de que novos aumentos de juros estariam por vir. "Abriu com o pé atrás", resumiu. Mas ao longo dia esse movimento se inverteu e o dólar fechou próximo da mínima cotação do dia, acrescentou.

O dólar também registrou depreciação frente a outras moedas internacionais, com o euro, por exemplo. No final da tarde, a divisa da União Européia era cotada em alta a US$ 1,3215.
 
 
Últimas Notícias

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada