Menu
SADER_FULL
quinta, 21 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Dólar fecha semana em queda após PIB dos EUA mais fraco

28 Jul 2006 - 17h09

O dólar fechou a sexta-feira em queda, depois da divulgação de números mais fracos do que o esperado sobre a economia dos Estados Unidos. Os dados alimentaram apostas de uma pausa no ciclo de aperto monetário do Federal Reserve.

A moeda norte-americana caiu 0,73% para R$ 2,175. Na semana, o dólar acumulou queda de 1,14%.

O Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA avançou 2,5% no segundo trimestre, expansão abaixo da alta de 3% esperada por economistas e do crescimento de 5,6% registrado no primeiro trimestre.

O crescimento mais fraco que o previsto reforçou as apostas de que o Fed poderá interromper o ciclo de alta do juro em agosto. Essa perspectiva direcionou o movimento dos mercados, tanto no campo externo quanto internamente.

"O mercado ficou acompanhando a tendência lá fora", resumiu Flávio Ogoshi, operador de derivativos do Rabobank. Ele citou ainda um volume maior de ingresso de recursos nesta sessão.

O rendimento dos Treasuries de 10 anos estava abaixo de 5% nesta tarde e as bolsas norte-americanas subiam mais de 1%. O dólar também caiu frente a outras moedas.

No mercado doméstico, a atuação do Banco Central conteve um declínio mais forte da moeda norte-americana. O BC fez mais um leilão de compra de dólares e aceitou ao menos seis propostas, com corte a R$ 2,1765.

"O BC tem interferido de forma pesada com seus leilões, mas certamente tem comprado mais as posições compradas dos bancos, altamente interessados em convertê-las a vendidas do que do próprio fluxo", apontou a corretora de câmbio NGO em relatório.

Operadores têm afirmado que muitas tesourarias que possuem dólares para vender estão optando por segurar as divisas para o leilão do BC, ao invés de ingressar com os recursos no mercado.

A corretora NGO disse ainda que o impacto das mudanças cambiais anunciadas na quarta-feira pelo ministro Guido Mantega - permitindo, entre outras mudanças, que exportadores mantenham 30% de suas receitas fora do pais - foram absorvidas pelo mercado.

"O consenso é de que nada mudará na formação de preço da moeda norte-americana", completou.

 

Invertia

Leia Também

VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ele nos amou primeiro
AUXILIO EMERGENCIAL
Presidente está de acordo a prorrogação do auxílio emergencial
TRAGICO ACIDENTE
Menino de 9 anos morre enforcado com corda de balanço