Menu
SADER_FULL
domingo, 28 de novembro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Dólar fecha a R$ 1,74; Bovespa reduz ritmo de queda

20 Out 2009 - 17h00Por Folha Online

O nervosismo do mercado com a taxação da entrada de capital estrangeiro empurrou o dólar para uma forte alta em seu terceiro dia de apreciação, numa semana em que os preços quase caíram abaixo de R$ 1,70. A Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) prossegue em baixa, mas em ritmo mais moderado, seguindo de perto o desempenho também negativo de Bolsas americanas e europeias.

Nas últimas operações desta terça-feira, o dólar comercial foi negociado por R$ 1,745 para venda, em alta de 1,86%. Os preços da moeda americana oscilaram entre R$ 1,766 e R$ 1,733. Nas casas de câmbio paulistas, o dólar turismo foi vendido por R$ 1,860, avanço de 2,19%.

Ainda operando, a Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) já restringiu o ritmo de queda e perde 2,91%, aos 65.283 pontos. O giro financeiro é de R$ 7,43 bilhões. Nos EUA, a Bolsa de Nova York cai 0,61%.

Ontem à noite, o governo anunciou medida, com validade a partir de hoje, para taxar em 2% a entrada de capital estrangeiro dirigido para ações e mercado de renda fixa. A valorização do real frente ao dólar, além de seguir a tendência internacional, também é justificada pelo ingresso constante de recursos externos. Somente na Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) já migraram mais de R$ 20 bilhões desde o início do ano (entre vendas e compras de ações).

Para profissionais de corretoras, o mercado teve uma reação exagerada a uma medida de impacto mais limitado. "Na verdade, essa medida é um pouco como jogar água fria na fervura --algo que não vai resolver nada", sintetiza Paulo Prestes, da mesa de operações da corretora gaúcha Exim. O profissional avalia que as três variáveis que o investidor estrangeiro leva em conta ao migrar seus recursos: o risco cambial, a taxa de juros brasileira e o "spread" bancário, já compensam o novo tributo. "O preço subiu demais hoje. Duvido que amanhã permaneça essa taxa [R$ 1,75]", avalia.

Para economistas, o desempenho da economia brasileira, com seus três selos de "grau de investimento", deve continuar atraindo investidores estrangeiros, valorizando o real frente à moeda americana.

Leia Também

COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 9,2 mil novos casos
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid -19 casos sobem para 22,043 milhões e mortes, para 613,3 mil
ESTUPRO DE VUNERALVEL
Menina de 11 anos conta para avô que é estuprada pelo padrasto
CRUELDADE
Justiça nega exame de insanidade a mulher que esquartejou filho
MANIACO SEXUAL
Homem é filmado passando a mão em mulher no meio da rua
+ AUMENTO
Conta de luz deve subir mais de 20% no ano que vem, estima ANEEL