Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 26 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Dilma está preocupada com efeitos da crise nuclear no Brasil

15 Mar 2011 - 15h20Por Folha

A presidente Dilma Rousseff está "extremamente preocupada" com a crise nuclear japonesa provocada pelo terremoto e tsunami da última sexta-feira. A informação é do ministro Gilberto Carvalho (Secretaria Geral da Presidência).

"A presidente está extremamente preocupada com os efeitos, inclusive aqui sobre a nossa política, toda essa questão da energia atômica, nuclear. Temos que, com responsabilidade, olhar isso. A presidente está o tempo todo acompanhando as informações e tomando as providências que forem necessárias", afirmou Carvalho, após participar, com a presidente e outros 13 ministros, da primeira reunião do Fórum de Direito e Cidadania, no Palácio do Planalto.

Apesar da preocupação expressa pela presidente, o ministro afirma que o governo mantém cautela em relação a eventuais medidas a serem tomadas pelo governo brasileiro em sua política de energia nuclear.

"Faltam elementos ainda da questão nuclear para que tenhamos uma constatação. Nós ainda estamos observando, não se sabe ainda a extensão da questão japonesa. Só depois de ter uma análise mais profunda pode se pensar nas influências que o evento japonês tem sobre a nossa política nuclear", disse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHOS INTERROMPIDOS
Pais perdem filho de 7 anos em tragédia na BR-376: "Passaram o dia montando a casa para receber ele"
AUXILIO POPULAÇÃO
Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas
UTI LOTADAS
13 crianças com covid estão em estado grave em Cuiabá
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mãe descobre estupro ao desconfiar que filha de 12 anos tinha ciúmes do padrasto
VIRUS A SOLTA
Caixão com corpo que tinha identificação de risco biológico por Covid é achado em estrada
TRAGEDIA NA RODOVIA
Jovem fez vídeo antes de morrer em acidente no Paraná: 'Devagar, motora'
FATALIDADE
Padre cai de pedra em cachoeira e corpo é encontrado em poço
GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar