Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 14 de maio de 2021
Busca
Brasil

Dez professores são detidos em ato no Maranhão

18 Set 2004 - 09h32
A Polícia Militar deteve ontem dez professores da rede estadual de ensino do Maranhão, após um confronto ocorrido durante uma manifestação política da categoria em São Luís. Eles foram liberados ainda ontem, e fizeram exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal.

De acordo com a Folha de S. Paulo, entre 1,5 mil professores (segundo a polícia) e três mil (de acordo com a categoria) participaram do protesto, que terminou com um confronto com policiais do Batalhão de Missões Especiais da PM do Maranhão. A categoria decidiu ontem pela continuidade da greve que já dura 15 dias.

Além dos professores, foi preso o motorista do carro de som que era usado no protesto. Os professores disseram ter sido feridos no choque com policiais, que usaram cassetetes e gás lacrimogêneo. Já o comandante do batalhão, major José Frederico Gomes Pereira, disse que policiais sob o seu comando foram agredidos pelos grevistas.

 

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada