Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 3 de agosto de 2021
Busca
DESIGUALDADE SOCIAL

Desigualdade impede maior acesso a telecomunicações, aponta IPEA

8 Jun 2010 - 06h01Por Agência Brasil

A baixa renda e a concentração de investimentos em projetos de telecomunicações nos grande centros urbanos são os gargalos para o maior acesso dos brasileiros aos serviços de telecomunicações, como telefonia fixa, móvel, TV por assinatura e internet.

Essa é a avaliação do pesquisador do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Rodrigo Abdalla, com base no estudo Desafios e Oportunidades do Setor de Telecomunicações no Brasil, divulgado hoje pelo órgão.

Para o pesquisador, o levantamento mostrou que a saída para democratizar o acesso as telecomunicações é promover investimentos em parcerias público-privadas, com a participação das três esferas de governo

Segundo Abdalla, o país tem uma parte da população ainda excluída desses serviços porque há carência de oferta. Ele observou que, comprando-se os serviços de telefonia móvel de São Paulo e de Manaus, por exemplo, o preço no Norte do país chega a ser 15 vezes o do Sudeste.

De 1999 a 2008, os investimentos privados somaram R$ 148 bilhões, dos quais R$ 25 bilhões financiados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e social (BNDES).

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Silvio Santos volta aos programas inéditos e comenta Faustão na Band: "coitado"
AUXILIO POPULAÇÃO
Trabalhadores nascidos em janeiro podem sacar auxílio emergencial
CÃOPAINHA
Cachorro toca campainha após ficar trancado fora de casa
SONHO INTERROMPIDO
Ultimo ensaio fotográfico minutos antes de médico sofrer choque e morrer nas vésperas de casamento
OLIMPÍADA
Rebeca é prata e faz história na ginástica olímpica em Tóquio
FENÔMENO DA NATUREZA
Chuva de meteoros será visível na madrugada de quinta para sexta em todo Brasil
A CASA CAIU
Mulheres se unem e surram "valentão" flagrado agredindo ex no meio da rua
CRISE HÍDRICA
Novas fontes preparam MS para a crise hídrica, ressalta governador
ABAIXO DE ZERO
Com -8,6°C, SC registra a menor temperatura do Brasil em 2021, diz Inmet
COVID-19
Em dia de aumento de casos Brasil tem 1.333 óbitos por Covid - 19 nas últimas 24 horas