Menu
SADER_FULL
sábado, 11 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
DESIGUALDADE SOCIAL

Desigualdade impede maior acesso a telecomunicações, aponta IPEA

8 Jun 2010 - 06h01Por Agência Brasil

A baixa renda e a concentração de investimentos em projetos de telecomunicações nos grande centros urbanos são os gargalos para o maior acesso dos brasileiros aos serviços de telecomunicações, como telefonia fixa, móvel, TV por assinatura e internet.

Essa é a avaliação do pesquisador do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Rodrigo Abdalla, com base no estudo Desafios e Oportunidades do Setor de Telecomunicações no Brasil, divulgado hoje pelo órgão.

Para o pesquisador, o levantamento mostrou que a saída para democratizar o acesso as telecomunicações é promover investimentos em parcerias público-privadas, com a participação das três esferas de governo

Segundo Abdalla, o país tem uma parte da população ainda excluída desses serviços porque há carência de oferta. Ele observou que, comprando-se os serviços de telefonia móvel de São Paulo e de Manaus, por exemplo, o preço no Norte do país chega a ser 15 vezes o do Sudeste.

De 1999 a 2008, os investimentos privados somaram R$ 148 bilhões, dos quais R$ 25 bilhões financiados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e social (BNDES).

Deixe seu Comentário

Leia Também

VÍTIMAS DE COVID-19
Mãe de médico morre horas após o filho e dois dias após o pai, vítimas da covid
VÍTIMA DE COVID-19
Covid tira de cena um dos últimos montadores do carro brasileiro
CD TRIBUTO AO PADRE ZEZINHO
No ano em Padre Zezinho faz 79 anos, Manoel Caires lança seu primeiro CD 'Tributo ao Padre Zezinho'
PAGAMENTO DO AUXILIO
Confira o calendário para saque em dinheiro do auxílio emergencial
AUXILIO EMERGENCIAL
Governo vai liberar mais 1,5 milhão de auxílios. Saiba como reclamar se o seu for negado
NÚMEROS DA ÚLTIMAS 24H
Os números da covid-19 no Brasil, atualizados diariamente
RECUPERAÇÃO
Dinho Ouro Preto revela sequelas após covid-19, ele já teve gripe suína e dengue
SOS SAUDE
Em 24 horas, nove pessoas morrem em casa pela covid-19 sem atendimento médico
BORA PRA BONITO - MS???
Bonito (MS) irá operar com tarifa de baixa temporada até 18 de dezembro e descontos de até 60%
BONITO - MS - REABERTURA COM SEGURANÇA
Hotel Águas de Bonito te espera com toda segurança e responsabilidade, bora pra Bonito (MS)?