Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 16 de maio de 2021
Busca
Brasil

Desemprego em outubro é o menor desde 2001

26 Nov 2004 - 13h25

A taxa de desemprego em outubro recuou para 10,5% em relação a setembro, quando ficou em 10,9%, atingindo, assim, o patamar mais baixo de toda a série da Pesquisa Mensal de emprego iniciada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2001. De acordo com os dados divulgados nesta sexta-feira, em outubro, 2,3 milhões de pessoas estavam desocupadas nas seis maiores regiões metropolitanas do país, 98 mil a menos do que em setembro.

O rendimento médio real dos trabalhadores caiu 1,2% em relação a setembro, mas aumentou 2,6% em relação a outubro do ano passado. Ainda segundo a pesquisa, houve aumento de 1,3% do número de empregados com carteira assinada em relação a setembro e de 3,6% na comparação com outubro de 2003. Já o emprego informal cresceu 7,1% em relação a outubro do ano passado e ficou estável em relação a setembro.

Em outubro, o setor que mais contratou foi a construção civil (6,6%). No comércio, na indústria extrativa, na educação, saúde, administração pública e nos serviços prestados à empresas houve estabilidade na passagem de setembro para outubro.

 

Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada