Menu
SADER_FULL
sábado, 24 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Desembargadora de MS recebe comenda em Brasília na sexta

27 Mar 2007 - 17h51
Na próxima sexta-feira (30), a Desa Marilza Lúcia Fortes, presidente da Associação dos Magistrados das Justiças Militares Estaduais (Amajme), recebe em Brasília uma comenda que a coloca no grau de Alta Distinção do Quadro Especial. A informação é do Superior Tribunal Militar (STM), que criou a Ordem do Mérito Judiciário Militar em 1957, e comemora seu 199º aniversário. A solenidade de outorga das condecorações será às 10h, no Edifício Sede do STM.
 
As condecorações são concedidas a integrantes da Justiça Militar que tenham prestado bons serviços no desempenho de suas atribuições; a magistrados, juristas, integrantes do Ministério Público, da Advocacia-Geral da União e das Forças Armadas que, pelos serviços prestados, se tenham tornado credores de homenagem da Justiça Militar, e a cidadãos brasileiros e estrangeiros, que hajam prestado reconhecidos serviços à Justiça Militar ou lhe demonstrado excepcional apreço.
 
Dentre os agraciados, podem também receber as insígnias da Ordem as corporações nacionais ou estrangeiras, representadas por suas bandeiras ou estandartes, por ações que as credenciem a este preito de reconhecimento. Da Ordem constam os seguintes graus: Grã-Cruz, Alta Distinção, Distinção e Bons Serviços.
 
Reconhecimento - A desembargadora preside a Associação dos Magistrados das Justiças Militares Estaduais (Amajme) desde dezembro de 2005. Em 2004, ainda juíza militar, ela recebeu o título de cidadã sul-mato-grossense por, entre tantas lutas, ter sido a primeira juíza auditora do Estado, a primeira coordenadora do curso de Direito da Faculdade de Direito de Campo Grande e ocupar o primeiro cargo de chefe de Departamento Jurídico do Sistema Penitenciário.
 
 
 
Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

SIM A VIDA
Brasil se une a Egito, Indonésia, Uganda, Hungria e EUA em declaração contra o aborto
Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência
GUERRA DA VACINA
Bolsonaro diz que não comprará vacina chinesa, mesmo se aprovada pela Anvisa
Motorista da carreta diz que ainda tentou desviar, mas não conseguiu DOENÇA DO SÉCULO
Menor pega carro escondido, joga contra carreta e morre na hora
BRASIL - 155.403 MORTES
Covid-19: Brasil tem 24.818 novos casos em 24 horas
AJUDA
Caixa Econômica paga auxílio emergencial para 5,2 milhões de beneficiários
CORONAVIRUS
Morre voluntário brasileiro que participava de testes da vacina de Oxford
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência
BRASIL - 154.176 MORTES
Covid-19: Brasil tem mais 271 óbitos e 15.383 novos casos em 24h
TRAGÉDIA NA CIDADE
Acidente entre trem e e micro-ônibus deixa uma mulher morta e feridos