Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 12 de maio de 2021
Busca
Brasil

Deputados têm até quinta para apresentar emendas

26 Nov 2004 - 10h55
Começa hoje o prazo para que deputados e senadores apresentem emendas ao relatório do projeto de lei orçamentária de 2005. Os parlamentares têm direito a apresentar, cada um, 20 emendas. Os recursos das emendas parlamentares são destinados a atender as demandas das comunidades que os congressistas representam, normalmente usados para implementação de pequenas obras nos municípios, como a construção de postos de saúde e escolas. O prazo para apresentação das emendas se encerra na quinta-feira (02).

As emendas serão votadas depois de passar pelo crivo dos relatores setoriais que foram eleitos ontem (25). Ao todo são dez áreas temáticas, cujos relatórios serão votados separadamente na Comissão Mista de Orçamento. Este ano, o valor para apresentação de emendas será maior. O relator geral acolheu destaque que aumenta de R$ 2,5 milhões para R$ 3,5 milhões o valor para emendas individuais. Cada parlamentar tem, então, o direito de apresentar até 20 emendas que não ultrapassem este valor.

Além de contemplar as demandas dos parlamentares no relatório final da proposta orçamentária, o relator geral do orçamento, senador Romero Jucá (PMDB-RR), deve fazer também alguns ajustes no texto para atender a um pedido especial do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo ele, o presidente recomendou que o senador avalie mudanças que possam permitir um reajuste maior para o salário mínimo, a correção da tabela de imposto de renda e a obtenção de recursos que possam compensar os estados exportadores das perdas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) devido à Lei Kandir.

"Eu recebi pessoalmente do presidente Lula uma recomendação e um apelo para que se estudem fórmulas de resolver estas três questões. São três questões que dizem respeito às soluções estruturais do país. Vamos nos debruçar sobre cortes de despesa, aumento de receitas, análise da conjuntura econômica para construirmos uma solução que possa atender ou, pelo menos, encaminhar esses três aspectos", declarou.

Os relatórios setoriais devem ser apresentados até o dia 08 de dezembro. A votação do relatório final está prevista para o dia 23 de dezembro.

 

 

Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias