Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 25 de fevereiro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Delcídio vai a 4 ministros pedir recursos para MS

15 Mar 2011 - 11h52Por Fátima News

O coordenador da bancada de Mato Grosso do Sul no Congresso Nacional, senador Delcídio do Amaral (PT), vai se reunir até sexta-feira com os ministros da Integração Nacional, Fernando Coelho, das Cidades, Mário Negromonte, do Planejamento, Miriam Belchior e o chefe da Casa Civil da Presidência da República, Antonio Palocci, para tratar de assuntos de interesse do estado, entre eles a garantia do pagamento das emendas individuais de 2008 e 2009 não efetuado até agora e a liberação de recursos suplementares aos R$ 5 milhões anunciados pelo governo federal,  para recuperar os estragos causados pelas chuvas em várias regiões.

 

“A bancada está coesa e bem articulada com o governo do estado e os prefeitos no sentido de obter os recursos. São várias frentes de luta. Primeiro vamos pedir à ministra Miriam Belchior que garanta o pagamento de emendas já empenhadas nos Orçamentos de 2008 e 2009, e que até agora, por vários motivos, não foi efetuado. Na mesma audiência, solicitaremos o atendimento de um pleito que é praticamente de todas as prefeituras,  não só de Mato Grosso do Sul, mas do país : a prorrogação do prazo dado pelo governo para a liberação de recursos relativos a projetos de 2007, 2008 e 2009, cujas obras não foram iniciadas ou ainda estão em andamento. Com os ministros das Cidades e da Integração Nacional a gestão é no sentido de ampliar as verbas emergenciais para recuperar os danos das enchentes,  pois é consenso geral que os R$ 5 milhões anunciados pelo ministro Fernando Coelho não são suficientes para atender a demanda. Além disso, vamos pedir recursos para a realização de obras de infraestrutura e habitação que resolvam , definitivamente, os problemas das famílias e das áreas afetadas todo ano pelas chuvas de verão. Chega de meia sola”, afirmou o senador durante reunião promovida na tarde desta segunda-feira, 14 de março, pela Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul-Assomasul, em Campo Grande. “E para garantir que todos os nossos pedidos serão atendidos estou agendando um encontro com o ministro Palocci, provavelmente para a sexta-feira, para obter o aval do Palácio do Planalto à nossa negociação”, salientou.

 

Delcídio anunciou que na reunião já agendada com o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, quinta-feira, às 9h, em Brasília, vai pedir também que a instituição baixe uma resolução para permitir que o Banco do Brasil facilite a renegociação das dívidas dos produtores rurais afetados pelas enchentes nos estados do Sul e do Centro-Oeste.

 

“A situação em São Gabriel do Oeste, Sidrolândia, na Grande Dourados, em Chapadão do Sul e em Costa Rica é calamitosa. Muitos produtores perderam toda a safra e não terão como pagar os financiamentos bancários. Isso está ocorrendo não só aqui em Mato Grosso do Sul, mas também em outros estados do Centro-Oeste e em algumas áreas do Sul. Por isso é preciso uma resolução do Banco Central que atenda os produtores de todas as regiões afetadas pelas enchentes”, explicou o coordenador da bancada, que também preside a Comissão de Assuntos Econômicos do Senado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALERTA EPIDEMIOLÓGICO
Covid-19: Brasil registra 1.541 mortes em 24 horas
MUNDO DO CRIME
Após morrer de Covid-19 no mesmo dia, casal tem oficina invadida e furtada
TRISTEZA NA FAMILIA
Pai e filho morrem de Covid-19 com poucas horas de diferença
CNH GRÁTIS
CNH Grátis: 8 mil carteiras gratuitas liberadas pelo DETRAN; inscreva-se
FINAL DA COPA DO BRASIL
Quem será o campeão da Copa do Brasil?
DIVIDA PÚBLICA
Dívida pública sobe em janeiro e atinge R$ 5,06 trilhões
ALÔ NAÇÃO RUBRO-NEGRA
VÍDEO: 'Jorge' o Urubu queridinho de Culturama viraliza nas redes sociais da Nação Rubro-Negra
LOCKDOWN
Com explosão de casos de covid, e 14 deputados infectados A. Legislativa volta a fechar as portas
BRASIL - 248.529 MORTES
Covid-19: Brasil registrou 62.715 infectados em 24 horas
SONAMBULA
Fisioterapeuta cai de janela de hotel após crise de sonambulismo