Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 17 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Definidos preços dos ingressos para Comercial x Vasco

13 Jan 2011 - 13h56Por

Estão definidos os valores dos ingressos para o confronto entre Esporte Clube Comercial e Vasco da Gama-RJ pela Copa do Brasil. O duelo entre o atual campeão sul-mato-grossense e o clube carioca será no dia 23 de fevereiro no estádio Morenão, em Campo Grande, às 20h50 (horário de Mato Grosso do Sul).

Os ingressos começarão a ser comercializados a partir do dia 1º de fevereiro e podem ser encontrados na loja da Supritec, na Rua Rui Barbosa esquina com a av. Afonso Pena, na Galeria dos Esportes, localizada na Rua Sete de Setembro, e na sede do E.C. Comercial, na Rua Pedro Celestino, nº 840.

Os ingressos para o jogo custaram até o dia 20 de fevereiro R$ 30,00 para as arquibancadas. A meia-entrada para estudantes custará R$ 15,00. As cadeiras terão preço único de R$ 50,00. A partir do dia 21 de fevereiro até o dia da partida os ingressos custarão R$ 40,00 e R$ 20,00 a meia-entrada para as arquibancadas e R$ 70 as cadeiras com preço único.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS
COM DESCONTOS
Veja as opções de pagamento do IPVA com desconto
CASA PRÓPRIA
Casa Verde e Amarela substitui Minha Casa Minha Vida com opção para renegociar dívidas e menos juros