Menu
SADER_FULL
terça, 7 de abril de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
POLONIO IMÓVEIS
Brasil

Defesa Civil alerta sobre risco de tempestade em MS

8 Jul 2004 - 07h12
 

A Secretaria Nacional de Defesa Civil, do Ministério da Integração Nacional, remeteu, nesta quarta-feira, alertas para as Coordenadorias Estaduais de Defesa Civil de Mato Grosso do Sul, do Paraná e de Santa Catarina a fim de prevenir sobre a ocorrência, entre hoje e amanhã, de chuvas, raios e rajadas de ventos com até 60 quilômetros por hora (km/h). É possível também que nesse mesmo período, em áreas isoladas desses três Estados, caia granizo.

As pancadas de chuvas fortes, raios e ventos são mais prováveis na área que vai do oeste ao litoral sul catarinense, no oeste e sudeste do Paraná e no oeste e sudeste do Mato Grosso do Sul. A mudança no tempo dos três Estados é conseqüência da presença de áreas de instabilidade atmosférica associada à passagem de uma frente fria pelo litoral da Região Sul. Essa situação é comum nesta parte do País. Ventos com 60 km/h, de acordo com a Escala Beufort, agitam árvores e causam resistência aos pedestres.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS NO MS
Mais 3 novos casos positivos para COVID-19 é confirmado em cidade de MS
CORONAVÍRUS EM SP
SP tem número recorde de mortes por coronavírus em um dia, Veja dados desta terça-feira
AUXILIO DOENÇA
INSS antecipa pagamento de um salário mínimo de auxílio-doença
CORONAVIRUS
Festa de aniversário espalha virus em uma familia e mata 3 pessoas
AUXILIO EMERGENCIAL
Aplicativo para receber auxílio emergencial já está no ar. Veja como se cadastrar e receber R$ 600
DOURADOS - NA POLONIO IMÓVEIS
Cirurgião Plástico fala sobre os motivos que o levaram a optar pelo Dourados Medical Center
FAMOSIDADES
Sasha e João Figueiredo estão juntos desde 2019: Ela vai a cultos com ele
SITE AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa disponibiliza site para cadastrar e tentar receber o auxílio emergencial quando disponivel
SOS EMPRESAS
Crédito para folha de pagamento já está disponível nos bancos
BRASIL - 513 MORTOS
Casos de coronavírus no Brasil em 6 de abril