Menu
SADER_FULL
sábado, 31 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CIA DO BICHO
Brasil

CRM suspende registro de médico suspeito de morte em Fátima do Sul

2 Jun 2010 - 13h10Por Campo Grande News

O médico Alexsandro de Souza está interditado cautelarmente, ou seja, não pode exercer a medicina. Ele é acusado de ser o responsável pela morte da paciente Cristiane Medina Dantas, 24 anos, ocorrida após lipoaspiração em junho de 2008.

Alexsandro responde ao processo criminal e outro administrativo, junto ao CRM/MS (Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso do Sul), que corre em segredo.

Cristiane foi submetida à cirurgia na clínica montada pelo médico em Fátima do Sul, e faleceu seis dias depois. Atualmente, a unidade médica está fechada.

O MPE (Ministério Público Estadual) ingressou com Ação Civil Pública para impedir que o médico operasse no local. A clínica não atendia às normas para funcionamento e o médico não é habilitado para a realização de cirurgias plásticas.

A especialidade de Alexsandro de Souza é cirurgia geral e, por este motivo, não pode realizar procedimentos como este. No entanto, desde 2007 ele faz cirurgias plásticas.

A estimativa é que pelo menos 100 pessoas tenham sido operadas pelo profissional. Ele atuava em Fátima do Sul, Naviraí, Juti e Dourados.

Algumas pacientes atendidas pelo médico ficaram com marcas e acusam o médico por erro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TENTATIVA DE ESTUPRO
Vídeo mostra empresário assediando jovem na entrevista de emprego
PANE EM AVIÃO
'Sobrevivemos só com a água chuva', diz cantor de MT que ficou 24 dias na mata
PANDEMIA AINDA NÃO ACABOU
Pandemia avança e MS registra 555 novos casos de Coronavírus em apenas 24h
INCÓGNITA
Governo ainda não definiu como será o 13º de quem teve corte salarial
ANTICORPOS
Bebê nasce com anticorpos contra covid-19
Vítima contou violência sexual para a tia ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Idoso é denunciado por estuprar filha de amigos e a enteada
FENÔMENO DA NATUREZA
Evento raro: Lua Azul poderá ser vista no Dia das Bruxas
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa deposita auxílio emergencial nesta 5ª feira para nascidos em novembro
FOI MAL
Bolsonaro recua e revoga decreto que facilita privatização dos postos do SUS
90% RECUPERADOS
Brasil tem 158,4 mil mortes por covid-19 desde início da pandemia