Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 2 de junho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Crescimento de 7% no Brasil é insustentável, diz FMI

26 Mai 2010 - 11h08Por Folha Online

O diretor-geral do FMI (Fundo Monetário Internacional), Dominique Strauss-Kahn afirmou nesta terça-feira que o Brasil poderá até crescer 7% neste ano, mas que esse ritmo de alta não é sustentável. "É o que está sendo esperado para esse ano, mas não acredito que o Brasil possa crescer por vários anos no ritmo de 7%", disse.

Em evento no IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas), em São Paulo, Strauss-Kahn afirmou que o país tem condições de crescer normalmente entre 4,5% e 5%, e que a partir de 7% há risco de superaquecimento.

Segundo ele, para que o país cresça nesse ritmo, é necessário aumentar seu potencial com investimentos em pesquisa e educação. O diretor-geral do FMI afirmou ainda que o governo brasileiro está ciente dos riscos de superaquecimento e que "está tomando medidas".

Para 2011, o diretor do FMI prevê que o Brasil registre expansão entre 4,5% e 5%.

Em seu último relatório de previsões, o FMI divulgou que espera crescimento de 5,5% para o Brasil neste ano, contra 4,2% da economia mundial. O Fundo, porém, admite revisões nos números ao longo do ano.

Strauss-Kahn afirmou ainda que os emergentes, entre eles o Brasil, estão no centro das atenções mundiais neste momento. "Nós ainda estamos no meio de uma crise global, e muitos de nós estão buscando quais serão as fontes de crescimento do amanhã."

Deixe seu Comentário

Leia Também

COISA MEDONHA
Mulher é desenterrada e estuprada um dia após ser sepultada
DOURADOS - NOVO EPICENTRO COVID-19
Dourados é novo epicentro do coronavírus em MS com mais de 300 casos confirmados
AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa LIBERA 2ª parcela do auxílio de R$ 600 em contas dos beneficiários, veja os meses
ABSURDO
Médica relata ter sofrido agressões por parte de frequentadores de 'festas de corona'
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 9 anos, acidentalmente mata irmã de 7 anos com espingarda
TRAGEDIA NA RODOVIA
Mulher gravida e marido morrem e criança fica ferida em acidente trágico
PANDEMIA CORONAVIROS
Vai ser ''um massacre'', diz ex-diretor da Saúde sobre flexibilizar isolamento
BOA NOTICIA
Bolsonaro diz que auxilio emergencial pode ter quarta parcela, mas pagando menos
PRAZO MÁXIMO
Acordo prevê máximo de 20 dias para análise de auxílio emergencial
FÁTIMA DO SUL - BOLETIM CORONAVÍRUS
BOLETIM: Fátima do Sul tem mais 04 casos confirmados, sobe para 69 e tem 12 pacientes recuperados