Menu
SADER_FULL
quinta, 13 de maio de 2021
Busca
Brasil

Cresce uso da palha na produção de energia em MS

18 Ago 2010 - 15h39Por Sato Comunicação
A crescente utilização da palha como matéria- prima de bionergia em MS valorizou a cana. Indústria e produtores discutem adoção de novo modelo de apuração de preços da planta que deve levar em conta seu novo uso e elevar valores pagos ao produtor do Estado. A metodologia paulista adotada hoje considera a capacidade de produção de açúcar e o peso da planta. Criado em 1999, depois que o governo federal deixou de fixar valores de referência, o Consecana passa por modificações também em São Paulo.

“A tendência é que a indústria use, cada vez mais, a palha da cana para gerar energia; se levarmos em conta essa valorização da palha no cálculo, teremos preços mais altos para o fornecedor”, explica o coordenador da Comissão de Técnica de Bionergia da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (FAMASUL), Luis Alberto Moraes Novaes. Ele prevê diminuição e consequente desaparecimento da queima da palha por conta do seu uso na produção de energia limpa. A indústria utiliza 50% de palha e 75% de bagaço nesse processo.

A metodologia do Consecana considera a taxa de açúcar (ATR) e o peso da planta. O cálculo passará por adaptações também em São Paulo. “O Consecana sofre alterações a cada cinco anos para atualizar índices e ganhos da cadeia produtiva”, afirma o presidente da Organização dos Plantadores de Cana da Região Centro Sul do Brasil -Orplana, Ismael Perina Júnior. Ele foi um dos palestrantes do Canasul 2010, em Campo Grande. Sua participação detalhou o sistema paulista.

Para o presidente da Comissão de Bionergia da Famasul, realizador do Canasul 2010, produtores e indústria precisam estar abertos ao diálogo. “É importante termos uma metodologia que leve em conta as particularidades do Estado. Isso desenvolve a cadeia produtiva, precisamos desse diálogo”, argumenta Novaes.

O Canasul 2010 que aconteceu nos dias 16 e 17 de agosto, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo. As palestras poderã ser acessadas pelo site www.opec-eventos.com.br/canasul depois do dia 30. O Canasul 2010 foi realizado pela Comissão Técnica de Bionergia da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Famasul), com promoção do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Produção e Turismo (Seprotur); Associação dos Produtores de Bionergia de MS (Biosul) e Federação das Indústrias de MS (Fiems). Sebrae, Banco do Brasil e Ministério da Agricultura patrocinam o evento, que tem apoio da AEAMS, CREA-MS, OCB-MS e Mútua.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada