Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 1 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ZANZI
ECONOMIA

Cresce uso da palha na produção de energia em MS

18 Ago 2010 - 05h39Por

A crescente utilização da palha como matéria- prima de bionergia em MS valorizou a cana. Indústria e produtores discutem adoção de novo modelo de apuração de preços da planta que deve levar em conta seu novo uso e elevar valores pagos ao produtor do Estado. A metodologia paulista adotada hoje considera a capacidade de produção de açúcar e o peso da planta. Criado em 1999, depois que o governo federal deixou de fixar valores de referência, o Consecana passa por modificações também em São Paulo.

“A tendência é que a indústria use, cada vez mais, a palha da cana para gerar energia; se levarmos em conta essa valorização da palha no cálculo, teremos preços mais altos para o fornecedor”, explica o coordenador da Comissão de Técnica de Bionergia da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (FAMASUL), Luis Alberto Moraes Novaes. Ele prevê diminuição e consequente desaparecimento da queima da palha por conta do seu uso na produção de energia limpa. A indústria utiliza 50% de palha e 75% de bagaço nesse processo.

A metodologia do Consecana considera a taxa de açúcar (ATR) e o peso da planta. O cálculo passará por adaptações também em São Paulo. “O Consecana sofre alterações a cada cinco anos para atualizar índices e ganhos da cadeia produtiva”, afirma o presidente da Organização dos Plantadores de Cana da Região Centro Sul do Brasil -Orplana, Ismael Perina Júnior. Ele foi um dos palestrantes do Canasul 2010, em Campo Grande. Sua participação detalhou o sistema paulista.

Para o presidente da Comissão de Bionergia da Famasul, realizador do Canasul 2010, produtores e indústria precisam estar abertos ao diálogo. “É importante termos uma metodologia que leve em conta as particularidades do Estado. Isso desenvolve a cadeia produtiva, precisamos desse diálogo”, argumenta Novaes.

O Canasul 2010 que aconteceu nos dias 16 e 17 de agosto, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo. As palestras poderã ser acessadas pelo site www.opec-eventos.com.br/canasul depois do dia 30. O Canasul 2010 foi realizado pela Comissão Técnica de Bionergia da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Famasul), com promoção do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Produção e Turismo (Seprotur); Associação dos Produtores de Bionergia de MS (Biosul) e Federação das Indústrias de MS (Fiems). Sebrae, Banco do Brasil e Ministério da Agricultura patrocinam o evento, que tem apoio da AEAMS, CREA-MS, OCB-MS e Mútua.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FORNALHA
Cidades do MS e PI devem quebrar record histórico de temperatura no Brasil nesta quinta feira
FURIA DA NATUREZA
Tempestade causa estragos e deixa cidades sem energia
AUXILIO EMERGENCIAL
Auxílio Emergencial extensão: publicado calendário de pagamento
funcionário da Celpe, José Reginaldo de Santana júnior, 31 anos CRIME HEDIONDO
Funcionário de empresa é executado após realizar corte de energia
imagem Google ABERTURA FRONTEIRA
Pedro Juan Caballero vive expectativa da abertura da fronteira
BRASIL - 142.921 MORTES
Covid-19: Brasil registra 863 óbitos e 32.058 novos casos em 24h
AGORA É LEI
AGORA É LEI: Prisão de até 05 anos para maus-tratos contra cães ou gatos
PANDEMIA
Covid-19: Brasil tem 142 mil óbitos e 4,74 milhões de casos acumulados
+ CONSUMO
Intenção de consumo das famílias volta a crescer após cinco quedas
Motorista registrou a travessia de uma jiboia na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. FORA DO HABITAT
VÍDEO: motorista flagra jiboia cruzando pista de avenida no RJ: 'olha isso'