Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 29 de setembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Cresce devoluções de embalagens vazias de agrotóxicos

22 Jul 2010 - 07h45

O Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (Inpev) divulgou o balanço da devolução de embalagens de agrotóxicos realizadas em Mato Grosso do Sul no primeiro semestre de 2010. Os números indicam crescimento de 19% em relação ao mesmo período do ano passado.

O Estado ocupa o oitavo lugar entre os Estados que mais destinaram embalagens para reciclagem, totalizando 1.208 toneladas de janeiro a junho deste ano. O ranking de Estados foram Mato Grosso, Paraná, São Paulo, Goiás, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Bahia que, juntos, representam 84,9% do total devolvido em todo o País (de um total de 16.837 toneladas).

Segundo o coordenador regional de Operações da Inpev, Hamilton Rondon, mais importante que Mato Grosso do Sul ocupar o oitavo lugar no ranking de Estados que mais recolheram embalagens de agrotóxicos, é o aumento do percentual de devoluções. “A cada mês há um aumento na devolução de embalagens vazias, o que representa uma maior conscientização de agricultores em relação ao meio ambiente”, afirma Hamilton.

A legislação estadual e federal prevê a devolução de embalagens vazias de agrotóxicos, até um ano após a compra. Para Vera Lucia Amaral, fiscal estadual agropecuária da Iagro - órgão responsável pela fiscalização do comércio e a utilização dos agrotóxicos - a importância da devolução é uma questão de saúde e de meio ambiente. “É você não permitir que um produto tóxico polua o meio ambiente”, lembra a fiscal agropecuária.

Em caso de desrespeito das normas, a lei prevê multa de até R$ 13 mil. Para evitar esse problema, a Iagro desenvolve regularmente campanhas de conscientização de produtores rurais.

Como Funciona

O Brasil é hoje um dos grandes produtores agrícolas mundiais. A comercialização de grande volume de defensivos agrícolas acompanha esse ritmo e para tentar diminuir o volume de lixo tóxico causado pela reutilização ou queima dessas embalagens foi criada a obrigatoriedade da devolução dessas embalagens para reciclagem, para evitar riscos de contaminação na população e ao meio ambiente.

O programa é um sistema formado pela integração de diversos elos da cadeia produtiva agrícola como agricultores, canais de distribuição, cooperativas, indústria, e conta com apoio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

O agrotóxico é manipulado de acordo com as normas do Ministério do Meio Ambiente e para aplicar alguns tipos de produtos, os empregados precisam usar roupa especifica para proteção como máscara, luva e botas de borracha.

Antes da devolução, a embalagem deve ser lavada três vezes e depois perfurada. O processo é para que não fique nenhum resíduo dentro e também para que a embalagem não seja reutilizada.

As embalagens devem ser encaminhadas a postos de recebimento ou centrais de reciclagem. Em Mato Grosso do Sul existem oito centrais e sete postos de recebimento de embalagens.

Em Campo Grande a central de recolhimento de embalagens foi criada em 2003 e é mantida por um grupo de empresas que comercializa agrotóxicos na Capital. Eles recebem embalagens plásticas, metais e até as caixas de papelão que são usadas no transporte do produto.

O material é separado e depois vai para a prensa. Cada fardo pesa cerca de 60 quilos. Depois desse processo as embalagens seguem para as recicladoras.

O Brasil é campeão mundial de recolhimento de embalagens de agrotóxicos. Nos últimos sete anos foram 136 mil toneladas recolhidas.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Covid-19: Brasil tem 142 mil óbitos e 4,74 milhões de casos acumulados
+ CONSUMO
Intenção de consumo das famílias volta a crescer após cinco quedas
Motorista registrou a travessia de uma jiboia na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. FORA DO HABITAT
VÍDEO: motorista flagra jiboia cruzando pista de avenida no RJ: 'olha isso'
Só queria que me entendessem sem preconceito! PRECONCEITO
Jovem é expulso de casa ao assumir namoro com mulher trans
Yan e um comparsa renderam mãe e filha na rua CRIMINOSO
Bandido morto pela PM arrancou família de carro e agrediu mulher uma semana antes
O diesel não sofreu reajuste. + ALTA
Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras
O total de mortes causadas por covid-19 chega a 138.108, um acréscimo de 0,6% sobre a soma de segunda Saúde
Covid-19: Brasil tem 33,5 mil novos casos e 836 mortes em 24 horas
HERANÇA PORTUGUESA
A herança portuguesa na vida cotidiana do Brasil
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga nova parcela do auxílio emergencial para 5,6 milhões de pessoas
o maior programa de assistência aos mais pobres no Brasil e talvez um dos maiores do mundo PRESIDENTE NA ONU
Bolsonaro diz que brasileiros receberam mil dólares de auxílio