Menu
SADER_FULL
terça, 2 de junho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Crédito para compra de veículos e imóveis aumenta, indica BC

26 Mai 2010 - 15h34Por Agência Brasil
O crédito habitacional e o destinado à compra de veículos continuam a apresentar expansão, com prazos recordes de financiamento, segundo dados do Banco Central (BC) divulgados hoje (26).

No mês passado, o saldo do crédito habitacional chegou a R$ 104,070 bilhões, um aumento de 3,3% em relação a março deste ano e de 49,7% na comparação com abril de 2009. No caso de pessoas físicas, o prazo para esse tipo de financiamento chegou 3.578 dias corridos, o maior da série histórica do BC, iniciada em julho de 1994.

Para a compra de veículos, o prazo médio chegou a 623 dias corridos, também um recorde histórico. Segundo o BC, o saldo das operações de leasing e financiamentos de veículos chegou, no mês passado, a R$ 64,1 bilhões, uma alta de 2,5% na comparação com março e de 14,7% em relação a abril de 2009.

O crédito consignado, por sua vez, deve apresentar redução no ritmo de concessões para os servidores públicos, na avaliação do chefe do Departamento Econômico do BC, Altamir Lopes. “A trabalhadores da iniciativa privada têm ainda muito espaço para demandar essa modalidade”, disse.

Em abril, o saldo do crédito consignado para servidores públicos chegou a R$ 102,652 bilhões, enquanto para os da iniciativa privada ficou em R$ 16,188 bilhões. Na comparação com abril de 2009, houve alta de 37,8% no setor público e de 37% para os funcionários das empresas privadas.

Lopes destacou que os juros do crédito consignado são “realmente baixos” na comparação com outras taxas do mercado. Em abril, essa taxa média ficou em 26,9% ao ano.

Ele recomenda que os consumidores só usem o cheque especial, que tem taxa alta, como “recurso de última instância”. “É uma modalidade caríssima. E as famílias evitam utilizar esse tipo de recurso”. Segundo o BC, em abril, a taxa do cheque especial ficou em 161,3% ao ano.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COISA MEDONHA
Mulher é desenterrada e estuprada um dia após ser sepultada
DOURADOS - NOVO EPICENTRO COVID-19
Dourados é novo epicentro do coronavírus em MS com mais de 300 casos confirmados
AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa LIBERA 2ª parcela do auxílio de R$ 600 em contas dos beneficiários, veja os meses
ABSURDO
Médica relata ter sofrido agressões por parte de frequentadores de 'festas de corona'
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 9 anos, acidentalmente mata irmã de 7 anos com espingarda
TRAGEDIA NA RODOVIA
Mulher gravida e marido morrem e criança fica ferida em acidente trágico
PANDEMIA CORONAVIROS
Vai ser ''um massacre'', diz ex-diretor da Saúde sobre flexibilizar isolamento
BOA NOTICIA
Bolsonaro diz que auxilio emergencial pode ter quarta parcela, mas pagando menos
PRAZO MÁXIMO
Acordo prevê máximo de 20 dias para análise de auxílio emergencial
FÁTIMA DO SUL - BOLETIM CORONAVÍRUS
BOLETIM: Fátima do Sul tem mais 04 casos confirmados, sobe para 69 e tem 12 pacientes recuperados