Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 12 de maio de 2021
Busca
Brasil

Coxim: Militares tentam controlar incêndio próximo ao Exército

29 Jul 2010 - 10h30Por Edição de Notícias
ários militares trabalham para controlar incêndio numa área próxima ao do 47º Batalhão de Infantaria, em Coxim. Com abafadores, cerca de 50 militares tentam impedir que o fogo se alastre e continue atingindo a área do Exército, que já teve três mil metros quadrados queimados.

No total, cerca de 20 mil metros quadrados já haviam sido consumidos pelo fogo, até as 20 horas desta quarta-feira (28). Ninguém sabe a causa do incêndio, que começou numa área que pertence ao município.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas está apenas dando apoio aos militares. Segundo informações, os bombeiros estão trabalhando com efetivo reduzido.

A única equipe de plantão, com três bombeiros, tem priorizado outros atendimentos, como acidentes.

O 5º Sub-Grupamento dos Bombeiros, que atende toda a região norte, conta 22 homens, quando o ideal seria 60, de acordo com dados apresentados recentemente pelo comandante, capitão Wagner Antônio Batista Dupin.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul