Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 30 de novembro de 2021
Busca
Brasil

Corpo de filho de ex-deputado foi destroçado a tiros de AR-15 e M-16

8 Jan 2010 - 15h45Por Valdemar Gonçalves / Russo

Informações procedentes de Pedro Juan Caballero, uma das cidades mais violenta do território paraguaio e que faz fronteira com o Mato Grosso do Sul, via Ponta Porã, dão conta de que o corpo do filho do ex-deputado estadual Miguel Ángel Núñez Ayala, de 61 anos, o fazendeiro Miguel Ángel Núñez, o “Miguelito”, de 33, foi destroçado por tiros de fuzis AR-15 e de M-16, que foram efetuados a curta distância pelos seus assassinos.
Ainda segundo informações, a maioria dos tiros foram direcionados na região torácica e principalmente na cabeça.

Miguel Ángel foi levado à força pelos pistoleiros da estância da sua família, que fica localizada a 70 quilômetros de Pedro Juan Caballero e teve seu corpo encontrado dez horas após o seqüestro, que teria ocorrido por volta das 6 horas da manhã.

Já o pai dele mesmo baleado conseguiu escapar da “fúria assassina” e conseguiu chegar em Pedro Juan Caballero, onde encontra-se internado sob forte proteção policial e segundo consta, o seu estado inspira cuidados.

Com relação ao atentado, os seis pistoleiros chegaram à estância da família Núñez, que fica localizada na região conhecida por Lorito Picada, e passaram a disparar tiros contra o ex-deputado Miguel Ángel Núñez Ayala, porém este conseguiu escapar, no entanto, a mesma sorte não teve o seu filho que foi levado e no período da tarde foi encontrado morto.

Para a polícia paraguaia, foi informado que os pistoleiros falavam em castelhano, guarani e em portugueses, e que pelo menos três deles estaria usando farda militar.

Já o ex-governador do Departamento de Amambay, Roberto Acevedo, informou que “Miguelito” estava envolvido em diversos delitos na região e que tempos atrás ele havia escapado de outros atentados.

Para a polícia paraguaia, a morte de “Miguelito” seria um ajuste de contas por problemas surgidos entre ele e submundo do narcotráfico existente na região de fronteira entre os territórios paraguaio e brasileiro.

Dos seis homens fortemente armados com fuzis AR-15 e M-16, de acordo com relato de Ninfa Martínez de Núñez, integrante da família do ex-deputado, alguns deles estavam vestidos com uniforme militar.

MAIS MORTES

Na chegada à estância, os pistoleiros agiram rápidos para cometerem os atentados e este fator leva a família crer que eles se tratavam de policiais.

Vale ressaltar que nas últimas 48 horas quatro pessoas, entre elas, uma menina de 13 anos, foram vítimas de execuções sumarias na região que compreende Ponta Porã no Brasil e em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, e nenhum dos pistoleiros foram capturados pelas autoridades policiais dos dois paises. Ainda segundo informações vindas da fronteira, com a prisão de Jarvis Ximenes Pavão, considerado como um dos maiores narcotraficantes dos dois paises e a de Antônio Carlos Caballero, o “Kapilo”, que seria representante legal da facção criminosa paulista, o PCC (Primeiro Comando da Capital), muitas execuções sumarias estariam marcadas para acontecer na região de fronteira, provavelmente ainda neste meses.

Leia Também

PIX SAQUE
Pix Saque começa hoje:comércio vê nova ferramenta como chamariz para clientes,mas teme por segurança
TRAGÉDIA NA LINHA DO TREM
vítima comemorou aniversário do marido um dia antes de morrer com a filha em acidente com trem
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 9,2 mil novos casos
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid -19 casos sobem para 22,043 milhões e mortes, para 613,3 mil
ESTUPRO DE VUNERALVEL
Menina de 11 anos conta para avô que é estuprada pelo padrasto
CRUELDADE
Justiça nega exame de insanidade a mulher que esquartejou filho