Menu
SADER_FULL
sexta, 17 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Corintianos apedrejam ônibus do time e brigam com policiais

5 Fev 2011 - 10h30Por Lancepress

Se os jogadores do Corinthians esperavam mais paz no último treino da equipe na véspera do clássico contra o Palmeiras, pelo Campeonato Paulista, encontraram cenário exatamente oposto.

Cerca de 300 torcedores foram ao Centro de Treinamento Dr. Joaquim Grava na manhã deste sábado. A manifestação na porta do CT Joaquim Grava começou logo na chegada do ônibus do Corinthians, pouco antes das 10h.

O ônibus chegou escoltado pela polícia, mas os torcedores entraram na frente do veículo e não deixaram o mesmo entrar no local. A partir daí os torcedores começaram a jogar pedras no ônibus, e os policiais devolveram com bombas de efeito moral.

O portão do centro de treinamentos foi danificado na confusão. Os torcedores também jogaram pedras e outros objetos nos seguranças que estavam na porta do CT.

Os policiais e seguranças particulares que estavam do lado de dentro jogaram bombas de gás de pimenta e deram tiros com balas de borracha. Além dos manifestantes, a imprensa foi atingida pelo gás e pelos tiros.

Durante o protesto, uma das torcidas organizadas distribui panfletos com um manifesto. Os principais pedidos dos torcedores são os desligamentos de membros da diretoria e comissão técnica e a demissão de alguns jogadores do elenco.

"A Nação Corinthiana está perplexa. Alcançamos fevereiro de 2011 em fúria. O Sport Club Corinthians Paulista vive momento único de humilhação, desmando e destruição de sua cultura e tradição", diz uma parte do manifesto dos torcedores.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões
LIÇÕES DA BÍBLIA
Uma rua de mão dupla
LATROCINIO
Dupla invade casa, tranca mulher e crianças em quarto e mata homem degolado
SAQUE EMERGENCIAL
Caixa cria calendário para liberar nova rodada de dinheiro do FGTS
TRAGEDIA AÉREA
Acidente aéreo mata sócio da Raizen e outras seis pessoas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Um missionário irado e inquieto