Menu
SADER_FULL
segunda, 10 de maio de 2021
Busca
Brasil

Combate entre americanos e xiitas mata 26 em Bagdá

6 Ago 2004 - 07h39
Pelo menos 26 pessoas morreram em combate na noite de ontem entre tropas dos Estados Unidos e milícias leais ao clérigo xiita Moqtada al-Sadr. Cerca de 90 pessoas estão feridos, entre eles pelo menos 15 militares norte-americanos.

Os confrontos ocorreram num espaço de seis horas na zona denominada Al-Sadr City, localizada ao nordeste da capital iraquiana, que é repleta de simpatizantes do clérigo rebelde.

Em comunicado, o comando militar americano informou que as milícias xiitas atacaram uma tropa militar com lança-granadas enquanto esta inspecionava a evolução de um projeto civil de infra-estrutura nessa área da cidade.

Em outros três incidentes, as patrulhas militares foram atacadas com disparos de armas leves feitos por mascarados.

Os incidentes em Sadr City ocorreram no mesmo dia no qual as tropas dos EUA e as milícias do "Exército de Mehdi" travaram intensos combates na cidade de Najaf, cerca de 230 quilômetros ao sul de Bagdá e um dos redutos do clérigo xiita. Pelo menos 20 pessoas, entre elas um soldado americano, perderam a vida na quarta-feira durante os confrontos em Najaf.

 

 

Invertia

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'