Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 4 de junho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
FÁTIMA DO SUL

Com reajuste de 6% prefeitura paga hoje servidores em Fátima do Sul

1 Jun 2010 - 08h10Por Luiza Rodrigues / Fátima News

Os servidores municipais de Fátima do Sul já podem sacar hoje, terça-feira (01), os salários referente ao mês de maio de 2010. Os servidores já vão sacar com o reajuste de 6% dado pela prefeita Ilda Machado, onde o reajuste abrange aos aposentados e pensionistas de Fátima do Sul.

 

 

A Prefeita Ilda, que sempre primou pela valorização dos servidores municipais em todos os anos de seu primeiro mandato e no atual, manteve a coerência, concedendo aumento real acima da inflação.

 

 

Segundo Ilda Machado “Temos que ter o comprometimento com a valorização dos nossos servidores municipais e também o cumprimento da lei. Assim, recomendei estudos que possibilitasse o maior aumento salarial possível, mas, que também garantisse a obediência ao que determina a Lei de Responsabilidade Fiscal e a garantia de que os pagamentos sejam efetuados no dia, sem atrasos, de preferência com antecipação, como temos feito mensalmente”, finalizou ela.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSUSTADOR E REAL NO BRASIL
Com uma morte por minuto, Brasil registra 1.349 mortes por coronavírus nas últimas 24h, novo recorde
JULGAMENTO
TSE julga se cassa Bolsonaro e vice a partir de terça
AUXILIO DOENÇA
Como pedir concessão e prorrogação do auxílio-doença durante pandemia
1º CASO NO BRASIL
Paciente recuperada de coronavírus no Piauí volta a ter teste positivo
VITIMAS DA COVID 19
Mãe, avó e irmão de jovem morrem por covid-19: 'essa doença é horrível'
COVID-19
Brasil registra mais de 31 mil mortes por covid-19
COISA MEDONHA
Mulher é desenterrada e estuprada um dia após ser sepultada
DOURADOS - NOVO EPICENTRO COVID-19
Dourados é novo epicentro do coronavírus em MS com mais de 300 casos confirmados
AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa LIBERA 2ª parcela do auxílio de R$ 600 em contas dos beneficiários, veja os meses
ABSURDO
Médica relata ter sofrido agressões por parte de frequentadores de 'festas de corona'