Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 28 de março de 2020
SADER_FULL
Busca
MEDICAL CENTER - POLONIO
Brasil

Cigcoe vira Bope com estrutura seis vezes maior e PM tem novos batalhões

6 Set 2013 - 15h02Por Campo Grande News

Estrutura pleiteada há uma década, a Cigcoe (Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais) ganha status de batalhão, com mais uma unidade em Campo Grande e efetivo que pode ser até seis vezes maior. “Será um tropa diferenciada, com estrutura para atender casos de alta complexidade, como possíveis rebeliões em presídios, marginais homiziados (escondidos no mato), explosivos e atendimento a reféns, por exemplo,”, afirma o major Marcos Paulo Gimenez, comandante da companhia.

Segundo o major, desde o início das ações da Cigcoe, os policiais sustentavam a ideia de se transformar em Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais), com mais armamento e treinamento especial aos servidores. “Nós temos profissionais formados em São Paulo, no Paraná e Espírito Santo, sendo que eles é quem vão ministrar as aulas agora, inclusive para a nova remessa que virá com o concurso em andamento”, explica o major.

Tropa de choque - As aulas, previstas para durarem quatro semanas e com início previsto para segunda-feira (9), serão de controle de distúrbios civis. “Os policiais atuarão como uma tropa de choque, sendo as primeiras aulas de operacionalização e desobstrução em rodovias”, explica o major.

Comandante da Polícia Militar fala da nova estrutura da polícia (Foto: Marcos Ermínio)Comandante da Polícia Militar fala da nova estrutura da polícia (Foto: Marcos Ermínio)
André assina decreto durante evento que amplia batalhões (Foto: Marcos Ermínio)André assina decreto durante evento que amplia batalhões (Foto: Marcos Ermínio)

Até o momento, de acordo com a Polícia Militar, eram 16 batalhões e 6 companhias indepedentes, sendo que agora serão 19 batalhões e 5 companhias. Além do Bope, os novos batalhões incluem a “Polícia de Choque” e o “Batalhão da Polícia de Trânsito”.

Já o Bope e a Cigcoe deixarão de atender somente a Capital para prestar serviço também ao interior do Estado. O Batalhão de Trânsito subsitui a Ciptran (Companhia de Polícia Independente de Trânsito).

Novo comandante - Segundo o comandante geral da Polícia Militar, coronel Carlos Alberto David dos Santos, eventos excepcionais como invasões de terras e conflitos indígenas também serão atendidos por tais policiais. O Bope será coordenado pelo tenente-coronel Luiz Antônio Sá Braga e hoje serão assinados três decretos que criam os batalhões.

Por questão de segurança e estratégica, o efetivo não terá divulgação. A 1ª Cia será a Guarda e Escolta em Campo Grande; a 2ª será a Cia de Bonito, a 3ª Cia em Maracaju, que também atende Nova Alvorada. Já a 4ª Cia será em Amambaí, para atender também a cidade de Coronel Sapucaia e por último a Cia de Chapadão de Sul, a 321 quilômetros da Capital.

Os eventos fazem partes das comemorações de 178 anos da PM/MS, com solenidades e eventos que seguem até o dia 30 de setembro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRABALHO VOLUNTÁRIO
Detentas começam confeccionar máscara de proteção para atender Jateí, Vicentina e Fátima do Sul
COVID-19 NO BRASIL
Brasil tem 92 mortes e 3.417 casos confirmados de novo coronavírus, diz Ministério da Saúde
PANDEMIA CORONAVIROS
São Paulo tem 68 mortos por coronavírus, média de uma a cada 2 horas e 20 minutos, e 1.223 casos
LINHA DE CRÉDITO
Governo lança pacote de R$ 40 bi para socorrer pequenas e médias empresas
AMOR AO PROXIMO
Xuxa vai doar R$ 1 milhão ao SUS para combate ao coronavírus
77 MORTOS
Casos de coronavírus no Brasil em 27 de março
REFORÇO
Câmara aprova projeto que prevê R$ 600 por mês ao trabalhador informal por conta do coronavírus
CORONAVÍRUS NO MUNDO
EUA se torna novo epicentro da pandemia com 82 mil casos confirmados de coronavírus
ATIVIDADES ESSENCIAIS
Governo define lotéricas e igrejas como atividades essenciais
COZINHA SOLIDÁRIA
Igreja e MST criam cozinha solidária para pessoas em situação de rua