Menu
SADER_FULL
segunda, 17 de maio de 2021
Busca
Brasil

Ciclone chega a Cuba com ventos de 165 Km

13 Ago 2004 - 11h00
Após ganhar intensidade, o furacão Charley tocou o solo da região sul de Havana à 0h15 (hora local) desta sexta-feira. Acompanhado de chuva intensa que encobriu completamente o céu, o ciclone também trouxe ventos de 165 km/h. Meteorologistas de Cuba prevêem que o furacão deixe o país por Santa Fé, a oeste da capital.

Havana, a maior cidade do país, tem 2,2 milhões de habitantes. Muitas das residências são frágeis por serem antigas, por causa da salinidade do mar e pela falta de manutenção. A Defesa Civil cubana declarou estado de alerta na manhã desta quinta-feira e foram intensificados os preparativos para evitar mortes, como a poda de árvores.

Durante o dia, o comércio ficou lotado de pessoas que queriam estocar alimentos, água potável e velas. O ministério da Saúde ordenou a liberação de leitos hospitalares e a suspensão de cirurgias não emergenciais para que pudessem ser atendidas possíveis vítimas do furacão.

Charley é um fenômeno atípico. Desde 1969 não se tem notícia de furacões em agosto, o mês mais calmo da temporada de ciclones. O furacão deve chegar à Flórida (EUA) nesta sexta-feira.

 

 

Agência Estado

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA NO HARAS
Vaqueiro morre ao ser arrastado por boi durante vaquejada, em Paranatama; veja vídeo
Foto: Divulgação/Instagram LUTO NA MÚSICA
MC Kevin morre aos 23 anos no Rio de Janeiro
SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho