Menu
SADER_FULL
quarta, 1 de dezembro de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Chuvas: Ajuda a municípios ficará entre R$ 10 milhões e R$ 15 milhões

28 Jan 2010 - 08h55Por Fátima News com Assessoria

O Ministério da Integração Nacional deverá liberar entre R$ 10 milhões e R$ 15 milhões aos municípios atingidos pelas fortes chuvas dos últimos dias em Mato Grosso do Sul. O compromisso foi fechadao nesta quarta-feira à tarde (27), em Brasília, durante audiência do governador André Puccinelli, deputados federais, prefeitos e secretários com o ministro da Integração, Geddel Vieira Lima.

De acordo com o coordenador da bancada federal, deputado Waldemir Moka (PMDB), a expectativa é que os recursos sejam liberados no prazo de um mês. “Os técnicos do ministério receberam os relatórios e agora vão analisar um por um para se conhecer, de fato, a demanda apresentada pelos prefeitos”, explicou.
Moka esclarece  que a modalidade para liberação do dinheiro será semelhante à adotada para Amambai, atingida em outubro do ano passado por tempestade de granizo. "Os recursos para socorrer municípios afetados por fenômenos naturais já estão previstos no orçamento de cada ano e independe da edição de medida provisória", afirma o parlamentar.
Os municípios apresentaram pleitos que totalizaram cerca de R$ 22 milhões. Desse volume, R$ 15 milhões seriam usados para recuperar o município de Novo Horizonte do Sul e R$ 7 milhões seriam divididos entre Aquidauana,  Coxim, Miranda e Ivinhema. 
O governador André Puccinelli (PMDB) disse que o montante maior para Novo Horizonte se explica pelo fato de a cidade ter sido a mais prejudicada pelas chuvas. “Vamos ajudar no que for possível a todos”, informou André, citando outros casos de municípios afetados pelas chuvas, como Vicentina e Juti, por exemplo.

Além do governador e do coordenador da bancada, participaram da audiência os deputados federais Geraldo Resende (PMDB) e Vander Loubet (PT), os secretários Edson Giroto (Obras) e Carlos Marun (Habitação), os prefeitos Fauzi Suleimann (Aquidauana), Dinalva Mourão (Coxim), Renato Câmara (Ivinhema), Neder Vedovato (Miranda) e Marcílio Alvaro Benedito (Novo Horizonte do Sul), o chefe da Defesa Civil do Estado, coronel Ociel Ortiz Elias e representantes dos demais deputados e senadores.

Leia Também

DOENTIO
Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola
PONTE BIOCEÂNICA
Ponte Bioceânica vai ganhar nova data de lançamento; Bolsonaro e Marito participam
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com estados da região Sul, Azambuja quer integração ferroviária e união para redução de carbono
PIX SAQUE
Pix Saque começa hoje:comércio vê nova ferramenta como chamariz para clientes,mas teme por segurança
TRAGÉDIA NA LINHA DO TREM
vítima comemorou aniversário do marido um dia antes de morrer com a filha em acidente com trem
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 9,2 mil novos casos
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça