Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 14 de maio de 2021
Busca
Brasil

Censo 2010 já colheu dados de 33 milhões de brasileiros

16 Ago 2010 - 17h14Por

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) anunciou nesta segunda-feira que recenseou nas duas primeiras semanas do Censo 2010 cerca 33 milhões de habitantes em 17% (9 milhões) dos 58 milhões de municípios brasileiros.

A informação foi dada pelo presidente do órgão, Eduardo Pereira Nunes, durante entrevista à imprensa no Rio.  

De acordo com balanço do IBGE, o Estado de Rondônia foi o que teve o maior percentual de casas visitadas até agora: 28,2%, seguido de Sergipe 27,2% e Ceará 25,5%. Por outro lado, o Rio Grande do Sul tem o menor percentual, 8,2%.

Nos Estados do Rio Grande do Sul, de São Paulo, Santa Catarina e do Paraná um pequeno atraso na entrega de coletes aos recenseadores atrapalhou o início das entrevistas aos domicílios, segundo o presidente do IBGE.  

A coordenadora operacional do Censo 2010, Maria Vilma Salles, disse que o instituto comprou 250 mil coletes, mas na data de início da pesquisa, no último dia 1º de agosto, 40 mil não haviam sido entregues.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada