Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 15 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

CBF entra para lista de devedores

24 Jan 2011 - 10h08Por Folha.com

A CBF se recusa a pagar multas no valor total de R$ 124 mil por descumprir o Estatuto do Torcedor e foi inscrita na lista de devedores do Estado de São Paulo, um dos candidatos a ser a sede da abertura da Copa de 2014.

Com carta branca do governo de São Paulo para decidir o estádio do Mundial na capital paulista, Ricardo Teixeira é ao mesmo tempo presidente da CBF e do comitê local da Copa-2014, responsável por avaliar as arenas do país, cujas obras estão orçadas em mais de R$ 5 bilhões.

O comitê, junto com os parceiros da Fifa, vai ganhar do governo federal isenções fiscais de R$ 900 milhões.

Em 2010, enquanto Teixeira negociava a sede de São Paulo entre o Morumbi e um novo estádio, a CBF passou a ser alvo de processo.

O motivo: não respeitar o Código de Defesa do Consumidor e o Estatuto Torcedor, uma das principais medidas do governo federal para tentar organizar a realização de eventos esportivos.

Foram nove infrações apuradas pelo Procon-SP, durante operações-surpresa entre 2003 e 2006. A CBF não conseguiu comprovar, por exemplo, que forneceu informações básicas sobre partidas, como o sorteio de árbitros, a divulgação de regulamentos e as súmulas de jogos.

Como a entidade comandada por Teixeira não pagou as multas, o Procon acionou a Procuradoria do Estado para levar o caso à Justiça.

PENHORA

Agora, a CBF corre o risco de ter bens penhorados até pagar o governo paulista.

"Em processos de cobrança como esse, é feita primeiro a penhora, para se ter uma segurança jurídica de que haverá bens ou dinheiro para se pagar a dívida", afirma Marcelo Aquino, procurador do Estado de São Paulo.

O valor de R$ 124 mil foi baseado no Código de Defesa do Consumidor. Foi "graduado de acordo com a gravidade da infração, a vantagem auferida e a condição econômica do fornecedor [CBF]".

A reportagem procurou a CBF, que não quis comentar o assunto, alegando que está "rigorosamente em dia com qualquer instituição".

Em agosto, a Folha mostrou que a CBF carrega em sua contabilidade diversas dívidas e multas em várias instâncias de governo, enquanto só em 2010 faturou mais de R$ 200 milhões.

Só no Ministério da Fazenda, a confederação aparece como parte em mais de cem processos. Em 2009, a entidade já havia sido obrigada a pagar uma multa de R$ 3 milhões por sonegação de imposto de renda.

A CBF também aparece na lista de devedores do governo federal, que vai financiar mais de R$ 10 bilhões para obras relacionadas ao evento organizado por Ricardo Teixeira e pela Fifa. As dívidas são mantidas em sigilo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS
COM DESCONTOS
Veja as opções de pagamento do IPVA com desconto
CASA PRÓPRIA
Casa Verde e Amarela substitui Minha Casa Minha Vida com opção para renegociar dívidas e menos juros
FINALISTA LIBERTADORES
Santos atropela Boca Jr e terá o Palmeiras numa final Brasileira
TRAGÉDIA NA PONTE
Motorista morre após caminhão cair de ponte