Menu
SADER_FULL
quinta, 17 de junho de 2021
Busca
Brasil

Católicos de Dourados fazem romaria na segunda-feira

10 Out 2009 - 05h32Por Diário MS
A Forania de Dourados da Igreja Católica realiza na segunda-feira, dia 12, a 10ª Romaria Nossa Senhora Aparecida. A programação este ano acontece entre 7h e 12h e será estritamente religiosa. De acordo com o padre Crispim Guimarães, assessor de Comunicação da Diocese de Dourados, este ano é esperado um número ainda maior de romeiros do que no ano passado, quando 13 mil pessoas foram ao santuário.

A programação começa às 7h, com concentração em frente à Catedral, na Praça Antônio João. Às 7h30 tem a saída da carreata em direção a Vila São Pedro, onde fica o Santuário de Nossa Senhora Aparecida. Às 9h tem a “Acolhida Mariana”. Depois, às 10h, tem missa celebrada pelo bispo Dom Redovino Rizzardo. Em seguida tem o “Ângelus” e a “Coroação de Nossa Senhora Aparecida”. O encerramento acontece às 12.

A cada ano cresce o número de pessoas que seguem a pé da cidade de Dourados para a Vila São Pedro, segundo o padre Crispim. O percurso é de 18 quilômetros, a partir do centro da cidade. Para chegar ao santuário antes do início da celebração, muitas pessoas, sobretudo as mais idosas, partem da cidade ainda de madrugada. Elas vão em grupos rezando o terço, meditando ou fazendo outras orações. Há ainda aqueles que preferem seguir sozinhos, meditando.

Padre Crispim informa ainda que durante a solenidade será lançada a campanha do Congresso Eucarístico de Brasília, que acontece na capital federal, de 3 a 16 de maio do ano que vem. A Diocese vai mobilizar seus fieis formando uma grande caravana para participar do evento. Serão caravanas que seguirão a Brasília de ônibus e também de avião.

No dia 12 de outubro, segundo o padre Crispim, “a Igreja Católica no Brasil celebra a ação de Deus em meio a seu povo, através daquela (Maria, mãe de Jesus) que ouviu e viveu o projeto Dele como nenhum outro ser humano”. É a festa de Nossa Senhora Aparecida.

O padre explica que há em Jesus Cristo “duas naturezas”: a natureza divina e a natureza humana. “Reunidas, constituem uma única pessoa, a pessoa de Jesus Cristo. Nossa Senhora é Mãe desta única pessoa que possui ao mesmo tempo, a natureza divina e a natureza humana, como a nossa mãe é a mãe de nossa pessoa. Ela deu a Jesus Cristo a natureza humana; não lhe deu, porém, a natureza divina, que vem unicamente do Pai Eterno”, afirma.

Padre Crispim, no entanto, lembra que ao cultuar Maria é necessário distinguir culto de adoração. “Os católicos adoram somente a Deus, o culto é um modo de dignificar a pessoa que Deus escolheu para se encarnar enquanto Filho. Esta dignidade supera todas as demais dignidades, pois representa o grau último a que pode ser elevada uma criatura”, explica.

“Todos esses atos indicam o culto à Nossa Senhora e a honra que lhe é devida. Ao celebramos Jesus Cristo, através de sua Mãe, com o título de Nossa Senhora Aparecida, somente queremos agradecer a Deus por tudo que ele nos proporcionou, assumindo por Maria, a nossa humanidade”, ressalta o padre.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade
MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado
ANTECIPAÇÃO
Governo antecipa pagamento de parcelas do auxílio emergencial