Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 17 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Capacitação para atendimento de superdotados vai até sexta

24 Jul 2006 - 08h57
Nesta semana será realizado o 1º Encontro de Formação para os Profissionais do Núcleo de Atividades de Altas Habilidades/Superdotação de Mato Grosso do Sul (NAAH/S-MS). O objetivo do evento é promover a capacitação dos 40 profissionais que devem atuar na identificação e atendimento aos alunos com indícios ou já identificados no Estado. A iniciativa faz parte do Programa Estadual de Formação de Profissionais e Atendimento aos Alunos com Altas Habilidades/Superdotação, desenvolvido pela Secretaria de Estado de Educação (SED), através da Coordenadoria de Educação Especial.

Será uma semana inteira – de hoje a sexta-feira 28 - dirigida exclusivamente aos profissionais do núcleo. Entre os temas que serão abordados no encontro, estão as definições, características e mitos da superdotação, o processo de identificação de um caso e os métodos de atendimento. As ministrantes do evento serão as coordenadoras geral e pedagógica do programa, Zuleide Borges Chaves e Ângela Sanson Zewe, respectivamente. O encontro é no Centro Universitário Unaes, na avenida Fernando Corrêa da Costa, 1800, bairro Dr. João Rosa Pires, Campo Grande.


Programa - A proposta de atendimento a esse público começou a tomar forma em 2004, com o cadastramento informal de várias crianças que apresentavam indícios de altas habilidades/superdotação. Ano passado, o Ministério da Educação (MEC) decidiu implantar em todo o País os Centro de Ensino Suplementar, como forma de fortalecer as políticas voltadas à educação especial.

Mato Grosso do Sul recebeu um aporte de, aproximadamente, R$ 60 mil do governo federal para implantação do centro. O MEC deve investir R$ 1,9 milhão para instalar núcleos de atendimento a alunos com altas habilidades/superdotação em todas as capitais brasileiras.

O programa oferece atendimento ao aluno, à família e à escola onde estuda. De acordo com Zuleide, com base na identificação de cada caso e nas aptidões demonstradas pelo estudante, serão dispostas a ele atividades com as quais ele possa desenvolver habilidade em determinada área, como música, artes, produções multimídia, ciências, entre outras. Além de Campo Grande, participam do projeto os municípios de Sidrolândia, Dourados e São Gabriel do Oeste.
 
 
 
 
APn

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Amar a Deus
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ame o Senhor, seu Deus
BRASIL VERDE
Governadores avançam na criação de consórcio em defesa do desenvolvimento sustentável
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
LIÇÕES DA BÍBLIA
Outras imagens
LIÇÕES DA BÍBLIA
Seu povo especial
REVOLTANTE
Vanessa, de 18 anos, é atropelada e morre após reagir a assédio
LIÇÕES DA BÍBLIA
O livro da aliança
PAVOROSO
Acumulador de lixo transforma rua de cidade modelo em paraíso das ratazanas
JOGOS MORTAIS
Escola envia carta aos pais alertando sobre a série 'round 6'