Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 3 de junho de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Campo Grande, Dourados e Corumbá terão R$ 194 milhões do PAC

15 Jun 2007 - 15h42

O ministro das Relações Institucionais, Walfrido Mares Guia, disse ao senador Delcídio do Amaral (PT/MS) e ao deputado Antonio Carlos Biffi (PT/MS) que o governo federal vai liberar ate o final de julho R$ 194 para obras de infra-estrutura em Campo Grande, Corumbá e Dourados. Os recursos são do Programa de Aceleração do Crescimento-PAC e serão investidos em obras de implantação de rede de esgoto, drenagem, habitação, iluminação pública e abastecimento de água.

Na segunda etapa do PAC em Mato Grosso do Sul , cujo lançamento está previsto para o último trimestre deste ano, o presidente Lula deve liberar mais R$ 166 milhões para outros 7 projetos, segundo o senador Delcídio Amaral. Na próxima etapa serão atendidos os municípios de Ponta Porá, Três Lagoas e Naviraí. Somando-se  as verbas já definidas para a capital, Corumbá e Dourados, os investimentos do PAC devem chegar a R$ 360 milhões. Além dos recursos para obras de infra-estrutura, o governo federal vai destinar cerca de R$ 50 milhões para a área de educação, especialmente para implantação de escolas técnicas em Campo Grande, Nova Andradina, Ponta Porã, Coxim, Aquidauana, Corumbá e Três Lagoas.

 

 

 

RMT Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

JULGAMENTO
TSE julga se cassa Bolsonaro e vice a partir de terça
AUXILIO DOENÇA
Como pedir concessão e prorrogação do auxílio-doença durante pandemia
1º CASO NO BRASIL
Paciente recuperada de coronavírus no Piauí volta a ter teste positivo
VITIMAS DA COVID 19
Mãe, avó e irmão de jovem morrem por covid-19: 'essa doença é horrível'
COVID-19
Brasil registra mais de 31 mil mortes por covid-19
COISA MEDONHA
Mulher é desenterrada e estuprada um dia após ser sepultada
DOURADOS - NOVO EPICENTRO COVID-19
Dourados é novo epicentro do coronavírus em MS com mais de 300 casos confirmados
AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa LIBERA 2ª parcela do auxílio de R$ 600 em contas dos beneficiários, veja os meses
ABSURDO
Médica relata ter sofrido agressões por parte de frequentadores de 'festas de corona'
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 9 anos, acidentalmente mata irmã de 7 anos com espingarda