Menu
SADER_FULL
quarta, 10 de agosto de 2022
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CEF

Caixa prevê que área de óleo e gás libere R$ 5 bi até 2011

14 Set 2010 - 06h25Por Folha Online

A recém-criada superintendência de petróleo e gás na Caixa Econômica Federal pretende encerrar 2010 com desembolsos de R$ 2,5 bilhões e com R$ 5 bilhões em 2011, segundo a direção do banco estatal.

Desde a sua criação no primeiro semestre de 2010, o departamento da Caixa já realizou ao menos 50 operações para o segmento, que totalizaram operações de R$ 1 bilhão.

"Imaginamos esse ano chegar nos R$ 2,5 bilhões. Temos muitos projetos em andamento e consultas... com o pré-sal, o céu é o limite", disse à Reuters o superintendente da Caixa, Edalmo Porto Rangel.

A presidente da Caixa, Maria Fernanda Coelho, reforçou que os recursos para a área de petróleo e gás são destinados prioritariamente para micro, pequenos e médios fornecedores de equipamentos.

O objetivo, segundo ela, é ajudar a indústria a se preparar para atender a demanda crescente do setor, que tende a ser impulsionada pela produção do pré-sal. Segundo ela, o objetivo é dar prioridade a empresas brasileiras.

O ministro interino de Minas e Energia, Marco Antônio Almeida, disse na abertura de uma feira de petróleo, nesta segunda-feira, que o governo considera levar nas licitações de áreas de petróleo e gás no país o conteúdo nacional mínimo e fixar metas para os quatro ou cinco anos posteriores a rodada.

"A ideia é fomentar a cadeia de fornecedores que compõem esse itens e subitens do conteúdo nacional mirando o pré-sal", ressaltou a presidente da Caixa

Para facilitar o acesso dos fornecedores aos recursos do banco, a Caixa está aceitando os contratos da Petrobras como garantia dos empréstimos.

"A empresa contrata uma operação com a Petrobras para ser fornecedora e aquele contrato é tão garantido que posso antecipar 20% a 30% daquele contrato. Dando certo, vamos estender isso para outras cadeias produtivas", finalizou o superintendente da Caixa.

Leia Também

TRAGÉDIA
Criança de 8 anos mata cunhado com tiro na cabeça
AGORA É LEI
STF decide que servidor público não pode receber menos que o salário mínimo
TENTATIVA DE ASSASSINATO
Coroinha é esfaqueado no pescoço durante missa em igreja
AUXILIO CAMINHONEIRO
Caixa libera consulta ao Auxílio Caminhoneiro
VAMOS AJUDAR - COMPARTILHE
Casal que adotou 3 irmãos autistas vítimas de maus-tratos comove internautas
DESUMANIDADE
Polícia interdita casa de repouso por tortura e sequestro de idosos
DENUNCIADO POR VIZINHOS
Mãe e filho são executados e corpos escondidos dentro de sofá velho jogado em lote baldio
AUXILIO BRASIL
Governo amplia Auxílio Brasil e mais 23,7 mil famílias vão receber em MS
ASSASSINATO
Campeão mundial de jiu-jitsu, Leandro Lo morre após levar tiro na cabeça
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 261 óbitos e 40,4 mil casos em 24 horas