Menu
SADER_FULL
terça, 28 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Caderneta do Idoso chega a 13 milhões de pessoas

24 Mar 2010 - 14h46Por Ministério da Saúde
O índice de quedas e os acidentes de trânsito continua sendo um importante fator de risco para a saúde da população nesse faixa etária

O Ministério da Saúde forneceu 13 milhões de caderneta de Saúde da Pessoa Idosa, desde 2007, segundo balanço realizado durante o Encontro Nacional de Coordenadores de Saúde do Idoso, realizado em Salvador.

A publicação, além de trazer informações importantes sobre os cuidados com essa população, registra o histórico de saúde e acompanhamento da pessoa com mais de 60 anos. Até o final deste ano, a meta do Mais Saúde é entregar 19 milhões unidades.

Segundo a consultora técnica, Elen Pernin, o Ministério da Saúde vem realizando uma importante ação de apoio às iniciativas de capacitação de profissionais para o preenchimento adequado da caderneta.

Uma pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde apontou que 75% dos municípios brasileiros vêm desenvolvendo esse tipo de treinamento treinamentos. O principal público são pessoas com nível médio e superior e agentes comunitários de saúde.

“Com essas ações o Ministério espera aumentar o controle sobre doenças e agravos, reduzir as incapacidades e dependências do idoso e evitar progressão para seqüelas e complicações”, explica a coordenadora de Saúde do Idoso, Luiza Machado.

ACIDENTES - O índice de quedas e os acidentes de trânsito mantém continua sendo um importante fator de risco para a saúde da população nesse faixa etária. Elas representam 61% e 14%, respectivamente, dos 3.209 atendimentos de idosos notificadas em serviços de urgência e emergência durante o inquérito Viva.

São números consolidados para o ano de 2007. Hoje os casos de violência doméstica, sexual, auto-provocadas e outras violências cometidas contra pessoas idosas são obrigatoriamente notificados pelo Vigilância de Violências e Acidentes (Viva).

Uma rede formada pelos serviços municipais, informa às secretarias estaduais de saúde, que por sua vez notificam o Ministério da Saúde sobre os casos.

“Os dados revelam os casos graves, que chegam aos hospitais de urgência e as lesões leves e moderadas”, comenta a coordenadora da área técnica de Vigilância e Prevenção de Violência e Acidentes, Marta Silva, do Ministério da Saúde.

Para ela, há outros casos, que não chegam ao pronto atendimento, o que amplia esse problema de saúde pública.

A partir das notificações, o Ministério da Saúde, compila as estatísticas e constrói ações de prevenção e promoção da saúde. Por exemplo, no trânsito, os acidentes com idosos acontecem principalmente com pedestres (36%), bicicletas (16%), automóvel (15%) e motocicleta (14%).

Os tipos de violência contra idosos, mais comuns notificados pela vigilância são: 92% física e 20% psicológica. Dentre o perfil dos agressores em 34% das vezes é um familiar.

A rede Viva articula-se com 255 Núcleos de Prevenção de Violências e Promoção da Saúde (NPVPS), sendo 216 secretarias municipais de saúde, 21 secretarias estaduais , 16 instituições acadêmica e 2 ONGs. Por meio dos dados coletados, são acionadas ações de prevenção.

ENVELHECIMENTO - O Brasil será um país de pessoas idosas a partir de 2050, quando a população será de 63 milhões de pessoas acima de 60 anos. Se em 1980 eram 10 idosos para cada 100 jovens, em 2050 serão 172 idosos para cada 100 jovens.

A expectativa reflete na melhora da esperança de vida ao nascer, que saiu de 43,3 anos, na década de 1950, para 72,5 anos em 2007 (sexo feminino). Além disso, a média de filhos por mulher em idade fértil deverá diminuir. Se está em 1,9 filhos, chegará em 2030 a ser negativa de -0,05.

Os dados foram apresentadas, pelo Coordenador Técnico do Censo Demográfico, Joilson de Souza, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – BA. “O desequilíbrio entre a quantidade de idosos e a proporção de crianças é preocupante”, alertou Souza. Hoje, a maior proporção de idosos está principalmente nos estados do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Paraíba.

Leia Também

CARRO DESGOVERNADO
Aluno de 13 anos é atropelado e prensado contra muro de colégio por carro desgovernado
SOB INVESTIGAÇÃO
Amigos saem para pescar e encontram cadáver boiando em rio
DESASTRE AÉREO
Diretor da UPA que sofreu acidente aéreo no Pantanal morre em hospital
COVID-19
Covid-19: Brasil tem 15,7 mil novos casos e 537 mortes em 24 horas
+ AUMENTO
Gasolina sobe pela 8ª semana seguida nos postos, aponta ANP
PAN AMERICANO JUNIOR
Atleta de MS carregará as cores do Brasil no vôlei de praia nos Jogos Pan-Americanos Júnior
LIÇÕES DA BÍBLIA
Prefácio de Deuteronômio
ROTA BIOCEÂNICA
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
CASTELO DE AREIA
Idoso casa com prostituta 35 anos mais nova e flagra com outro
DOENÇA DO SÉCULO
Servidor público é encontrado pendurado em árvore